UOL Esporte Futebol
 
08/05/2010 - 07h02

Palmeiras junta cacos e estreia contra o Vitória para zerar ano de decepções

Rodrigo Farah
Em São Paulo
  • A. Carlos teve uma longa conversa com o elenco na última sexta e tentou acalmar os ânimos do time

    A. Carlos teve uma longa conversa com o elenco na última sexta e tentou acalmar os ânimos do time

Não há mais espaço para lamentações no Palmeiras. Às 18h30 deste sábado, o time alviverde estreia no Campeonato Brasileiro contra o Vitória pressionado por polêmicas e uma temporada repleta de fracassos. Mas tudo isso terá que ficar de lado para a equipe recomeçar do zero no Palestra Itália.

Depois de encerrar o Paulista na 11ª posição - a segunda pior na história do clube -, o Palmeiras deu adeus à Copa do Brasil na última quarta ao ser eliminado pelo modesto Atlético-GO. A queda derrubou o moral do time e aumentou o clima de apreensão em meio aos resultados frustrantes desde o Brasileiro do ano passado.

“O mais importante é tentar passar tranquilidade. Depois de uma derrota sofrida como tivemos na quarta realmente é difícil voltar a atenção para o Brasileiro. Todos sabem da pressão que é jogar no Palmeiras. Então, tentei passar tranquilidade a todos”, ponderou o técnico Antônio Carlos.

Não bastasse o abatimento pelo revés na Copa do Brasil, o Palmeiras também lida com algumas conturbações fora dos gramados. Entre elas está a iminente saída do meia Diego Souza e sua polêmica com a torcida alviverde, além do atraso no pagamento dos direitos de imagem de parte do elenco. O discurso dos atletas, no entanto, é que tudo ficará de lado quando a bola rolar.

O PALMEIRAS NO TWITTER

“A partir de agora é outra competição e teremos que lutar por um bom resultado. Temos uma competição inteira pela frente e temos que começá-la da melhor maneira possível”, ressaltou o meia Lincoln.

O técnico Antônio Carlos enfim contará com a estreia do lateral-direito Vítor na partida deste sábado após quase dois meses desde sua contratação. O zagueiro Danilo, por outro lado, será desfalque já que começará a cumprir a suspensão de 11 partidas pela polêmica racial contra Manoel, do Atlético-PR.

“Ainda não consegui atuar, mas agora estamos todos começando uma competição nova e o Antônio Carlos vai precisar de todos do elenco. Estou muito animado e pronto para começar bem minha trajetória no Palmeiras”, afirmou o lateral-direito.

O VITÓRIA NO TWITTER

Já o Vitória chega ao Palestra Itália motivado pela classificação no sufoco para a semifinal da Copa do Brasil. O time baiano seria, inclusive, o adversário da equipe alviverde na competição se os comandados de Antônio Carlos tivessem avançado no torneio.

Tetracampeão estadual, o Vitória inicia a Série A com objetivos altos na disputa, mas com o foco ainda voltado para a Copa do Brasil. O técnico Ricardo Silva terá duas mudanças na equipe para o duelo deste domingo. Suspensos na última partida, Renato e Elkeson voltam ao time nas vagas de Neto Coruja e Neto Berola.

“Não vejo a hora que começar o campeonato. Estou ciente da importância de jogar uma competição como essa e ajudar o time a fazer uma boa campanha”, destacou o meia-atacante Elkeson.

PALMEIRAS X VITÓRIA


Data: 08/05/2010 (sábado)
Horário: às 18h30 (horário de Brasília)
Local: estádio Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (Fifa-RJ)
Auxiliares: Ediney Guerreiro Mascarelhas (RJ) e Marco Aurélio S Pessanha (RJ)

PALMEIRAS
Marcos; Vítor, Maurício Ramos, Léo e Pablo Armero; Pierre, Marcos Assunção, Cleiton Xavier e Lincoln; Éwerthon e Robert
Técnico: Antonio Carlos Zago

VITÓRIA
Viáfara; Rafael Granja, Wallace, Reniê e Egídio; Vanderson, Bida, Uelliton e Renato; Elkeson e Júnior
Técnico: Ricardo Silva

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host