UOL Esporte Futebol
 
10/06/2010 - 10h01

Cruzeiro exige comprometimento dos atletas para continuar no clube

Gustavo Andrade
Em Belo Horizonte

Nesta semana, o Cruzeiro informou as saídas do lateral-esquerdo Fernandinho e do atacante Guerrón. Mais jogadores podem deixar o clube, seguindo o processo de reformulação com a chegada do técnico Cuca. Essa situação, no entanto, dependerá da avaliação que o novo treinador fizer do grupo atual de atletas do clube.

Com elenco enxuto, o Cruzeiro não trata no momento a respeito de dispensas. “O grupo, num todo, vai ser avaliado pelo Cuca. Não vamos falar de dispensa agora, até porque estamos com 21 jogadores. Ele vai observar todos jogadores. Não chegamos a falar em que fica ou não”, destacou o presidente Zezé Perrella.

O dirigente, entretanto, fez questão de deixar claro que os jogadores devem demonstrar comprometimento para que permaneçam no Cruzeiro. “O que nós queremos daqui para frente é muito comprometimento. Quem não estiver comprometido com o trabalho do treinador, com as pretensões da diretoria, que é realmente ser campeão, não fica no Cruzeiro”, disse.

“Vamos privilegiar aqueles jogadores que querem ter comprometimento com o Cruzeiro e aqueles jogadores que querem ser campeões. Nosso objetivo é brigar para ser campeão brasileiro. O que vai interessar daqui para frente, para a gente, são os resultados”, complementou.

 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host