UOL Esporte Futebol
 
10/06/2010 - 23h12

Nos acréscimos, Náutico vira o jogo e bate o Ceará em estreia pelo Nordestão

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Nesta quinta-feira, em partida válida pelo fechamento da primeira rodada do Campeonato do Nordeste, o Náutico venceu de virada o Ceará, por 2 a 1, em casa, e estreou com o pé direito na competição regional. O gol da vitória pernambucana, entretanto, só saiu aos 46 minutos do segundo tempo, com Giovanni cobrando pênalti.

Na sequência do certame nordestino, o Ceará volta a campo diante do Treze-PB, neste domingo, às 20h15, no Castelão. Já o Náutico não participará da segunda rodada, em função do torneio ter 15 clubes inscritos e, por isso, a cada rodada um deles ficará sem jogar. O próximo compromisso do time pernambucano será apenas no dia 16 de junho, às 19h, contra o mesmo Treze-PB, no Estádio Amigão, em Campina Grande.

O jogo
Os dois times começaram a partida mostrando bastante disposição e procuraram pelo gol desde os primeiros minutos do jogo. Apesar de ser visitante, o Ceará se impôs e conseguiu balançar as redes do Náutico, aos 31 minutos do primeiro tempo. Após rápida jogada de ataque do time alvinegro, o atacante Wellington Amorim foi derrubado dentro da área e o juiz marcou pênalti. O meia Lopes foi para a cobrança e não desperdiçou: 1 a 0.

Na volta dos vestiários, a equipe alvirrubra se mostrava disposta a empatar o jogo para, então, reverter o placar. Embora tenha criados boas oportunidades de gol, o Náutico esbarrava na marcação cearense e via o goleiro Michel Alves realizar boas defesas.

Mas, de tanto insistir, a equipe pernambucana enfim igualou o marcador. Aos 33 minutos da etapa final, após uma bola mal rebatida pela zaga do Ceará, Erick aproveitou a sobra e, da entrada da área, chutou no canto do goleiro alvinegro: 1 a 1. Com o empate, o time anfitrião cresceu na partida e se lançou ao ataque.

Quando a partida parecia definida, o Náutico teve um pênalti marcado a seu favor. Giovanni foi para a cobrança, estufou as redes do rival e garantiu a virada alvirrubra aos 46 minutos do segundo tempo.

O ponto negativo da partida ficou por conta do desinteresse dos torcedores de ambos os clubes, que deixaram o Estádio dos Aflitos praticamente vazio. Uma possível explicação para o “abandono” dos fãs pode ser o fato de que tanto a equipe cearense como a pernambucana mandaram a campo times mistos de jogadores reservas e garotos das categorias de base dos clubes.

Vice-líder da Série A do Campeonato Brasileiro, o Ceará optou por poupar os jogadores titulares e decidiu que, a princípio, utilizará o torneio nordestino para dar ritmo de jogo aos atletas menos utilizados no Nacional. Da mesma forma, o Náutico, que disputa a Série B e atualmente é o quarto colocado, também não está priorizando o Campeonato do Nordeste e vai aproveitar o torneio apenas como laboratório.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host