UOL Esporte Futebol
 
25/06/2010 - 17h47

Roth diz que situação de Walter é assunto da direção do Inter

Jeremias Wernek
Em Porto Alegre

A ausência do atacante Walter nos treinos desta quinta-feira ainda não passam pelo técnico Celso Roth. O assunto, segundo o treinador, está na esfera do departamento de futebol. Liberado pelo clube gaúcho, o jogador resumiu como uma saída para tratar de problemas pessoais o seu segundo caso de saída do Beira-Rio em meio aos treinos.

“Obviamente eu sei tudo que está acontecendo. Mas é a direção que está administrando isso”, disse Roth. “É uma situação atípica por estarmos em concentração. Ele foi liberado pela direção e o Walter está resolvendo os problemas dele. Não me cabe responder por isso”, completou.

Dentro do departamento de futebol, a garantia é que não existe negociação alguma. “Não tem nenhum negócio em andamento, o Walter não está de saída”, disse o vice de futebol, Fernando Carvalho. “O procurador do jogador me pediu a liberação pela manhã para que assuntos pessoais fossem resolvidos e não estou sabendo de mais nada, vou conversar com Walter depois”, acrescentou o dirigente.

“Eu sai apenas para resolver os meus problemas, sobre sair [ser negociado com outro clube] ou não vou conversar com meu empresário”, disse o atacante, por telefone à reportagem do UOL Esporte.

Detentor de 50% dos direitos de Walter, o Inter precisa ser comunicado de qualquer transação referente à outra metade do jogador. “Temos que ser informados para, se quisermos, adquirirmos o restante”, explicou Carvalho. Parte do vínculo do atacante pertence ao São José, clube de Porto Alegre que o revelou.

A reapresentação de Walter deve acontecer ainda nesta sexta, no hotel que serve de concentração para os jogadores na inter-temporada. Celso Roth aguarda o jogador nos treinamentos do sábado.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host