UOL Esporte Futebol
 
20/07/2010 - 14h33

Cotado ao cargo de técnico da seleção, Mano Menezes nega contato com a CBF

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Técnico Mano Menezes possui contrato com o Corinthians até dezembro de 2011

    Técnico Mano Menezes possui contrato com o Corinthians até dezembro de 2011

Cotado a assumir o posto de técnico da seleção brasileira, Mano Menezes negou nesta terça-feira ter conversado com o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, ou qualquer outro membro da entidade. O Corinthians emitiu nota oficial anunciando não ter havido contato entre clube, técnico e seleção.

"Não existe nada de concreto, mas entendo que estamos em um momento de especulação intensa, até porque a CBF deu a certeza da divulgação (do novo técnico) para o início da semana. E todos querem estar mais próximo do nome. Mas garanto que não tem nada. Posso até omitir uma informação, por estratégia, mas não é o caso", disse Mano nesta terça-feira após comandar treinamento do Corinthians em Goiânia.

Conforme publicação desta terça-feira no jornal O Globo, Mano Menezes seria anunciado como novo técnico da seleção brasileira até a próxima segunda-feira, substituindo Dunga, demitido depois da despedida prematura do time nacional da Copa do Mundo da África.

Mano Menezes renovou o contrato com o Corinthians pouco após a eliminação do clube na Copa Libertadores, quando caiu diante do Flamengo, nas oitavas. O vínculo do treinador vence no fim de 2011.

Tido como preferido por muitos cartolas da CBF para ficar com o cargo, Felipão assumiu o Palmeiras na última semana. Na apresentação oficial, disse que não foi procurado para voltar ao comando do time nacional e condicionou sua eventual saída a um acerto entre a CBF e a direção do clube.

Outra função que está em aberto na entidade é a de coordenador de seleções, depois de Américo Faria ter sido demitido na última semana. O mais cotado para o emprego é Carlos Alberto Parreira, que voltou ao Brasil depois de comandar a seleção da África do Sul no Mundial deste ano, quando caiu ainda na primeira fase.

Leia a nota oficial emitida pelo Corinthians:

O Presidente Andrés Sanchez vem a público esclarecer que nenhuma vez conversou com o presidente da CBF Ricardo Teixeira ou qualquer outra pessoa ligada à entidade sobre a contratação do novo técnico da Seleção Brasileira.

O convite para chefiar a Delegação Brasileira na Copa do Mundo da África deixou Sanchez honrado, mas o assunto atual diz respeito somente à Confederação e o Corinthians não tem a pretensão nem o poder para participar desse tipo de decisão, que cabe exclusivamente à entidade.

Sobre o mesmo assunto, o treinador Mano Menezes faz questão de salientar que não foi procurado por nenhum representante da CBF para assumir o cargo e continua exercendo suas funções normalmente no Sport Club Corinthians Paulista.
 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host