UOL Esporte Futebol
 
20/07/2010 - 12h41

Presidente diz que Atlético não precisa vender Tardelli para pagar contas

Bernardo Lacerda
Em Vespasiano (MG)
  • Atlético-MG sem pressa para negociar Diego Tardelli, que já marcou 4 gols no Brasileiro

    Atlético-MG sem pressa para negociar Diego Tardelli, que já marcou 4 gols no Brasileiro

Depois de dizer que o Atlético-MG vive um momento de equilíbrio financeiro, o presidente Alexandre Kalil afirmou que o clube não necessita negociar o atacante Diego Tardelli nesta janela de transferências para pagar suas contas. Segundo o dirigente, isso não quer dizer que o artilheiro atleticano não poderá se transferir.

“Nós temos que reforçar o caixa do clube, mas o Diego Tardelli não é a salvação do Atlético-MG. Ele tem preço e o mercado europeu já sabe quanto é. Eu não preciso vender o Tardelli para pagar folha salarial, nossa situação financeira está certinha, o clube está equilibrado”, disse Alexandre Kalil.

O presidente atleticano afirmou, no entanto, que Tardelli poderá ser vendido caso apareça o valor pretendido pela diretoria atleticana, que não tem pressa para negociar o jogador. “Nós temos a maior parte do Tardelli, não vamos receber em uma venda apenas porcentagem do valor por vitrine. O Tardelli tem preço e se oferecer ele pode sair”, comentou Kalil.

Ele garantiu que os problemas na negociação do atacante Kléber com o Porto de Portugal, que ainda não acertou a sua ida para o futebol português, não afetam em nada a situação do meia Diego Souza, que já fez sua estreia no time atleticano. Kalil havia dito quando na contratação do armador que o dinheiro da venda do atacante revelado nas categorias de base atleticana seria revertido para a contratação do ex-jogador do Palmeiras.

“O dinheiro do Kléber vai ser muito bem vindo, mas o Diego Souza já está pago. O dinheiro já está na conta da Traffic. Ele foi pago com dinheiro que já tínhamos em caixa”, explicou Alexandre Kalil.

Porém, o dirigente reconheceu que uma venda do atacante seria importante para o Atlético reforçar ainda mais o caixa. “O dinheiro do Kléber será muito bem vindo se a gente acertar, vai nos reforçar ainda mais, vamos melhorar ainda mais financeiramente, mas não dependemos da negociação do Kléber ou de outro jogador”, salientou Kalil.
 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host