UOL Esporte Futebol
 
06/08/2010 - 12h18

Federação Francesa investiga cinco jogadores por greve durante a Copa

Das agências internacionais
Em Paris (França)

Nesta sexta-feira, a Federação Francesa (FFF) abriu uma investigação disciplinar contra cinco jogadores. Eles se envolveram na polêmica greve feita pelos atletas durante a Copa do Mundo, quando se recusaram a participar de um treino.

Nicolas Anelka, Franck Ribéry, Eric Abidal, Jérémy Toulalan e o capitão Patrice Evra são os alvos da investigação. Segundo Fernand Duchaussoy, presidente da FFF, o processo “não significa que os jogadores serão punidos.”

Os investigadores ouviram 18 dos 23 atletas franceses que estiveram na África do Sul. Membros da comissão técnica e dirigentes também deram suas versões sobre o episódio.

A greve foi a forma encontrada pelos jogadores para protestar contra a exclusão de Nicolas Anelka do grupo. O atacante foi desligado da equipe após uma ríspida discussão com o então treinador Raymond Domenech.

Dentro de campo, a França também deu vexame. A seleção foi eliminada ainda na primeira fase e conquistou apenas um ponto.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host