UOL Esporte Futebol
 
23/08/2010 - 17h47

Após tiroteio no Rio, CBF diz confiar em autoridades e "garante" paz em 2014

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Os episódios de violência que marcaram o fim de semana no Rio de Janeiro alcançaram a esfera esportiva. A Confederação Brasileira de Futebol se pronunciou sobre o assunto e manteve os votos de confiança no combate à violência por parte das autoridades cariocas. A entidade ainda "garantiu" que o clima de paz reinará em 2014 durante a Copa do Mundo.

A CBF se pronunciou por meio de um comunicado em seu site oficial. “Posso assegurar à comunidade esportiva que a cidade-sede do Rio de Janeiro terá em 2014 o clima de normalidade necessário para a disputa da Copa do Mundo”, dizia o comunicado.

O governador Sérgio Cabral e o secretário de Segurança, José Maria Beltrame, também foram citados. "Renovo a mais absoluta confiança no poder de planejamento, prevenção e combate à violência que vem sendo comandado pelo governador e seu secretário."

No último fim de semana, a invasão de um hotel de luxo em São Conrado, na zona sul do Rio de Janeiro, por um grupo de homens fortemente armados após um tiroteio com a polícia teve repercussão internacional.

Entre hóspedes e funcionários, 35 pessoas foram mantidas como reféns dentro do Hotel Intercontinental. Várias delas eram estrangeiras. Os tiros foram ouvidos no bairro nobre do Rio de Janeiro e assustaram a população local. Muitos moradores tiveram que se esconder com medo de serem atingidos.

Nesta segunda-feira, o Comitê Olímpico Internacional (COI) também emitiu um parecer sobre os acontecimentos. Segundo a entidade, os episódios não representam uma ameaça à realização dos Jogos Olímpicos de 2016.

“No passado, o Rio e o Brasil mostraram que são capazes de abrigar eventos de grande porte de maneira segura”, afirmou à BBC Brasil a porta-voz da organização Emmanuelle Moreau. “Temos total confiança na capacidade das autoridades brasileiras de realizarem Jogos seguros daqui a seis anos.”

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host