UOL Esporte Futebol
 
25/08/2010 - 14h16

Santos rejeita 5 milhões de euros do Shakhtar e segura promessa Alan Patrick

João Henrique Marques
Em Santos (SP)
  • Alan Patrick teve a última chance no profissional contra o Palmeiras, dia 15 de julho, no Pacaembu. O meia desagradou Dorival e foi substituído.

    Alan Patrick teve a última chance no profissional contra o Palmeiras, dia 15 de julho, no Pacaembu. O meia desagradou Dorival e foi substituído.

O Santos segue a intensa luta para manter no clube as jovens promessas reveladas nas categorias de base. O alvinegro recusou uma oferta do Shakhtar Donetsk-UCR no valor de 5 milhões de euros (cerca de R$ 11,2 milhões) pelo meia Alan Patrick, de 19 anos.

A proposta foi levada ao clube via Bruno Paiva, empresário do jogador, em uma reunião com Fernando Silva, assessor do presidente santista Luiz Alvaro de Oliveira, e representantes do Grupo DIS, que detém parte dos direitos econômicos do meia.

A multa de Alan Patrick está avaliada em 20 milhões de euros (R$ 44,7 milhões), e assim como o feito com Neymar, o Santos não aceita negociar o meia abaixo desse valor. O contrato do jogador vai até o dia 15 de dezembro de 2014.

A divisão dos direitos de Alan Patrick foi feita da seguinte forma: o Santos detém 50%, o Grupo DIS 40%, e o jogador os 10% restantes.

Alan Patrick foi o camisa 10 do Santos na campanha do vice-campeonato da Copa São Paulo de juniores neste ano. No entanto, o meia teve poucas oportunidades com Dorival Júnior até o momento. No total, são 8 exibições no profissional.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host