UOL Esporte Futebol
 
06/09/2010 - 07h00

Desconhecidos da trupe de Mano confundem torcedores em Barcelona

Carlos Padeiro
Em Barcelona (Espanha)

“Quem é aquele cabeludo ali?”, pergunta a torcedora brasileira, durante atividade da seleção no centro de treinamento do Barcelona. Dois amigos ao lado não sabem responder e a ajuda de um jornalista é a forma de reconhecer David Luiz, zagueiro de 23 anos e um dos novatos que ganharam espaço após Mano Menezes assumir o comando.

DESAFIO UOL - OS NOVATOS DE MANO

Você sabe quem são os novatos escolhidos por Mano nas duas convocações? Teste seus conhecimentos!

Enquanto Robinho, Alexandre Pato e Daniel Alves são os mais assediados para fotos e autógrafos, outros jogadores passam sem chamar a atenção dos fãs. Fernandinho, Carlos Eduardo e Douglas Costa fazem parte dessa turma, para citar apenas alguns nomes.

“Eu mesmo passei despercebido várias vezes, mas com o tempo o torcedor vai conhecendo a gente”, sorriu Fernandinho, meio-campista do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, convocado pela segunda vez na sua carreira – a primeira ocorreu em 2005, com Carlos Alberto Parreira.

“Trabalhei com muitos deles, mas com alguns não tinha trabalhado ainda. Alguns deles estão chegando à seleção principal, conhecendo os companheiros pela primeira vez e o próprio técnico”, comentou Mano.

O treinador até brincou sobre o assunto e não quis entrar em detalhes em relação à aparência dos atletas. “De beleza a gente não fala. A gente fala de futebol, e no futebol eles estão confirmando por que estão aqui.”

“Tem alguns aqui que só conheço pela televisão, mas claro que sei quem é todo mundo porque acompanho”, disse o lateral-direito Rafael, do Manchester United, descartando a necessidade de pedir ajuda para descobrir o nome de um colega de elenco.

Aos torcedores, alguns rostos famosos fazem falta. “Tira uma foto do Kaká para mim quando ele passar aqui”, pediu uma brasileira hospedada no mesmo hotel da seleção. Já outras fãs confundiram o assessor de imprensa da CBF, Victor Rios, com o astro do Real Madrid e o assediaram. “Eu não sou jogador, é sério”, esclareceu, mas aceitou posar para foto.

O goleiro Gabriel, de 17 anos, sequer foi reconhecido na última quinta-feira, quando apareceu no hotel. Ele estava acompanhado de Mano, pois ambos viajaram no mesmo avião do Brasil à Espanha. Enquanto a imprensa e a torcida cercaram o técnico, o atleta do Cruzeiro entrou tranquilamente.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host