UOL Esporte Futebol
 
23/12/2010 - 17h56

Jobson é oficializado como o sexto reforço do Atlético-MG para 2011

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
  • Dois dias depois de fazer exames médicos, atacante Jobson teve sua contratação confirmada pelo Atlético-MG

    Dois dias depois de fazer exames médicos, atacante Jobson teve sua contratação confirmada pelo Atlético-MG

Depois de dois dias de negociações com a diretoria do Botafogo, o presidente Alexandre Kalil anunciou, na tarde desta quinta-feira, via twitter, a contratação do atacante Jobson, oficializando assim a sexta contratação do alvinegro mineiro para a próxima temporada. O jogador vem para o Atlético-MG com o valor dos seus direitos econômicos fixados.

A contratação do atacante vinha se arrastando nos últimos dias. O time mineiro vinha negociando a liberação com o Botafogo, clube com o qual o jogador tem contrato até junho de 2015 e com o Brasiliense. Havia a necessidade do aval do time do Distrito Federal.

Como já havia sido informado pelo diretor de futebol do clube mineiro, Eduardo Maluf, Jobson assinará contrato com o Atlético por uma temporada, até o dia 31 de dezembro de 2011. Como o atleta chega com os seus direitos econômicos fixados, cujos valores não foram revelados, a equipe atleticana poderá exercer o direito de compra no final deste período.

Jobson esteve em Belo Horizonte na manhã de terça-feira, quando realizou exames médicos em uma clínica, na região hospitalar da capital mineira. Depois disso, o jogador se reuniu com Eduardo Maluf na sede do clube atleticano, no Bairro de Lourdes, na Zona Sul da cidade, mas a assinatura de contrato não aconteceu.

O dirigente atleticano explicou, na ocasião  que ficaram faltando alguns detalhes contratuais com o Botafogo e com o Brasiliense. Jobson jogou pelo time do Distrito Federal até 2009, antes de se transferir para o Botafogo.

Natural de Conceição do Araguaia, no Pará, Jobson Leandro Pereira de Oliveira, de 22 anos, iniciou a carreira no Brasiliense e chegou ao Botafogo em 2009. Jobson chegou a acertar verbalmente contrato com o Cruzeiro. Porém, o atacante foi pego em exame antidoping, por uso de drogas, e acabou suspenso por dois anos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

A punição provocou a desistência do clube mineiro em contratá-lo. Após novo julgamento, a pena do atleta foi reduzida para seis meses. Durante o Campeonato Brasileiro deste ano, o Botafogo acertou seu retorno e firmou contrato até 2015. Em sua segunda temporada pelo Botafogo, Jobson voltou a se destacar em campo, mas novamente apresentou problema fora das quatro linhas, como faltar a treinos durante o Brasileirão, e foi afastado pelo clube carioca por indisciplina.

Como aconteceu nas cinco contratações definidas neste mês e em outras tantas ao longo desta temporada, a confirmação da contração de Jobson veio por meio do twitter do presidente Alexandre Kalil. Antes do atacante botafoguense, o alvinegro mineiro já contratou os volantes Richarlyson e Toró, ex-jogadores de São Paulo e Flamengo, respectivamente, o lateral-direito Patric, que defendeu o Avaí no último Brasileirão, o meia-atacante Wesley (ex-Grêmio Prudente) e o atacante Magno Alves, que se destacou pelo Ceará no último Campeonato Nacional.

Ainda por meio do twitter, Alexandre Kalil revelou que conversou com Jobson, novo reforço atleticano. “Conversei com ele. É um garoto. Era a chance que ele precisava”, afirmou o dirigente atleticano, aproveitando a mensagem para comunicar um período de descanso. “Twitter de férias! Paz, paz, paz e saúde para todos. Volto dia 5!”.

A contratação de Jobson não vai encerrar o ciclo. Eduardo Maluf revelou que o Atlético-MG deve anunciar mais duas ou três contratações. O dirigente citou as posições desejadas: goleiro, lateral-esquerdo e, possivelmente, mais um volante. O dirigente observou que as contratações feitas visam atender ao desejo do técnico Dorival Júnior de uma mudança de perfil, com uma equipe caracterizada pela velocidade.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host