UOL Esporte Futebol
 
26/12/2010 - 16h20

Presidente do Grêmio revela acordo de quatro anos com Ronaldinho Gaúcho

Do UOL Esporte
Em Porto Alegre
  • Jogador tem contrato acertado com o Grêmio e espera por encontro de seu irmão com o Milan

    Jogador tem contrato acertado com o Grêmio e espera por encontro de seu irmão com o Milan

O negócio entre Grêmio e Ronaldinho Gaúcho está muito bem encaminhado. Premissas básicas como interesse e acertos financeiros já ocorreram. Nem mesmo a concorrência de outros clubes, com mais dinheiro, assustam os tricolores. O presidente Paulo Odone deu uma nova página à novela, deste domingo, revelando que assim como os vencimentos, o meia-atacante já tem em mãos o acordo para assinar por quatro anos com o time que o revelou.

“Com o Ronaldinho e com o Assis estamos bem encaminhados, agora falta eles tratarem com o Milan. A princípio, acertamos o valor dos salários e quatro anos de contrato”, contou Odone, em entrevista à Rádio Globo.

A aposta gremista é no desejo de Ronaldinho: voltar para a seleção brasileira, atuar com regularidade, mas também superar a magoa de parte da torcida azul por sua saída conturbada em 2001, para o PSG.

“Ronaldinho quer jogar no Brasil para voltar à seleção brasileira”, apontou o cartola. “O Ronaldinho nos disse que não vem ao Brasil por dinheiro, mas sim por objetivos, por querer jogar no Grêmio, morar em Porto Alegre e voltar à seleção”, completou.

O irmão e empresário do jogador se reunirá nos próximos dias com a cúpula do Milan. Ronaldinho Gaúcho tem mais seis meses de contrato com os italianos e tenta liberação. Em Porto Alegre, a notícia causou alvoroço e entusiasmo na torcida. Os dirigentes gaúchos esperam anunciar, oficialmente, o reforço nos primeiros dias de janeiro.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host