UOL Esporte Futebol
 
Folha Imagem

Fernandão, Souto, Santana e Ilsinho perderam espaços no time de Carpegiani

03/03/2011 - 07h00

Medalhões de 2010 pesam na reserva, e São Paulo busca soluções

Bruno Thadeu
Em São Paulo

Com exceção de Alex Silva, os principais reforços do São Paulo no ano passado têm sido, no máximo, reforços no banco do time. Fernandão, Ilsinho, Rodrigo Souto e Cleber Santana possuem salários altos (acima de R$ 100 mil mensais), sequer são vistos como reservas imediatos, e acabam por ser considerados caros para os clubes que se interessam em tê-los.

MILIONÁRIOS ENCOSTADOS NO SP

Fernandão vive fase incerta no São Paulo. O departamento médico não deu prazo de retorno ao atacante, que se recupera de lesão. Considerado caro, o jogador foi sondado pelo Palmeiras, que rejeitou a contratação. O jovem Willian José passou a ser opção imediata na reserva

Fernandão se recupera de lesão no púbis. O departamento médico do São Paulo evita estipular da data para retorno. No período de tratamento no Reffis (centro clínico do clube), o atacante viu o jovem Willian José agradar Carpegiani. Atualmente, o ex-jogador do Grêmio Prudente ameaça até deixar Rivaldo na reserva. 

Sem espaço no atual time, Fernandão foi cotado a defender o Palmeiras. Mas o presidente do clube alviverde, Arnaldo Tirone, descartou a contratação após tomar conhecimento dos valores envolvendo o atacante, conforme informou o Blog do Perrone. O centroavante fatura mais de R$ 150 mil e tem contrato até o fim do ano.

“O Fernandão passa por um momento delicado. Eu conversei com ele e sei que não há muito a fazer. É uma pessoa de caráter que enfrenta uma fase muito difícil. Procuro até não falar muito sobre o Fernando”, diz Carpegiani.  

Souto, Santana e Ilsinho perderam espaços para so pratas-da-casa Casemiro, Zé Vitor e Wellington

Rodrigo Souto, Cleber Santana e Ilsinho começaram a temporada com status de principais opções do meio-campo tricolor. Mas o trio perdeu espaço para os jovens Zé Vitor, Wellington e Casemiro, formados na base tricolor.

Com vencimentos abaixo da média do elenco profissional, Wellington e Casemiro deverão enfrentar o São Caetano, sábado, às 18h30, no estádio Anacleto Campanella.

Souto e Ilsinho estão vinculados até agosto. O volante manifestou desejo de seguir para o futebol europeu no segundo semestre, enquanto Ilsinho recusa voltar para o futebol ucraniano.

O São Paulo rejeita fazer um acordo casado com outro clube nacional, arcando com parte do salário. Os interessados não querem pagar integralmente o ordenado de ambos, o mesmo ocorrendo com Cleber Santana, que se recupera de lombalgia.

Reforço dos sonhos de Juvenal Juvêncio, Cleber Santana custou ao clube R$ 3,5 milhões, por 50% dos direitos.

LUCAS COMENTA TRANSFORMAÇÕES NA CARREIRA

LUCAS PROMETE 'APÊ PARA MÃE' E
ATENÇÃO A MARIAS-CHUTEIRAS


A vida de Lucas sofreu profunda transformação nesta temporada. Ele retornou ao São Paulo hipervalorizado após a conquista do Sul-Americano sub-20 com a seleção de base. Em março, o meia receberá salário reajustado, mais de R$ 100 mil. Lucas afirma já ter metas traçadas quando entrar na conta o novo ordenado: presentear a mãe com um apartamento novo ficar atento às maria-chuteiras.Leia mais
 
LUCAS SE DIZ PRONTO PARA SELEÇÃO

Um dos destaques da seleção sub-20 que conquistou o Sul-Americano da categoria, o meia Lucas se diz pronto e ansioso com a possibilidade de estrear na principal. Mano Menezes anunciará nesta quinta-feira os convocados para o amistoso contra a Escócia, que ocorre dia 27 de março, em Londres. O jogador do São Paulo acredita que a experiência no Sul-Americano serviu como aprendizado para o time de Mano. Leia mais
 

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host