UOL Esporte Futebol
 
17/03/2011 - 07h01

Vasco e Palmeiras não aceitam receber menos do que Corinthians e Flamengo

Ricardo Perrone e Thales Calipo
Em São Paulo

O presidente do Grêmio, Paulo Odone, gerou mal-estar entre dissidentes do Clube dos 13. Foi ao afirmar que Flamengo e Corinthians ganharão mais dinheiro da Globo do que Vasco e Palmeiras, que não admitem essa possibilidade.

Segundo a diretoria do Vasco, ficou acertado com a Globo que, apesar dos acordos individuais, a divisão de receitas do novo contrato seguirá os moldes atuais. Ou seja, com Flamengo, Corinthians, Palmeiras e Vasco recebendo a mesma quantia. Junto com o São Paulo, que segue fiel ao C13, eles fazem parte do grupo que hoje abocanha a maior fatia dos recursos gerados pela transmissão do Brasileiro.

A única alteração combinada teria sido o compromisso da emissora de diminuir a diferença de valores pagos para cada um dos grupos criados para a divisão do bolo. Por isso, a informação divulgada por Odone foi considerada imprecisa pelos vascaínos.

Os cartolas palmeirenses também torceram o nariz. Antes de abandonar a negociação comandada pelo C13, o clube quis a garantia da Globo de que continuaria fazendo parte da elite na divisão.

Dirigentes do time alviverde dizem que hoje não têm como saber exatamente quanto o Corinthians vai ganhar. Mas afirmam que há como descobrir a quantia no futuro. Ficarão atentos ao balanço corintiano para saber se a Globo descumpriu o trato. Se isso acontecer, vão considerar que houve traição.

NOVA DIVISÃO DE RECEITA DE TV

GRUPO 1        
GRUPO 2    
GRUPO 3

REDETV! OU GLOBO? ENTENDA O QUE ACONTECERÁ COM O BRASILEIRO NA TV

A RedeTV! venceu a licitação aberta pelo Clube dos 13. Ela exigiu, no entanto, que todos os clubes filiados assinem o contrato, caso contrário a proposta se torna inválida. Essa assinatura ainda não ocorreu porque parte dos clubes está negociando separadamente com as televisões.

O Grêmio, um dos dissidentes, já assinou contrato com a TV Globo. Agora, ou os clubes se unem e fecham com uma única emissora, ou o Campeonato Brasileiro do próximo triênio (2012 a 2014) corre o risco de ser dividido entre duas televisões.

Neste último cenário, o torneio fica dividido. Pela legislação brasileira, o direito de arena é dos dois clubes que estão em campo. Portanto, qualquer transmissão depende da autorização dos dois times envolvidos, o que pode forçar a Globo a só exibir confrontos entre os times com os quais tem contrato, assim como a RedeTV!. Portanto, jogos de clubes que tenham contratos com emissoras distintas não seriam transmitidos. 

Oficialmente, São Paulo, Inter, Atlético-MG, Atlético-PR e Bahia seguem alinhados com o Clube dos 13 e, consequentemente, com a RedeTV!. Vitória, Goiás, Guarani, Portuguesa e Sport são os indecisos. Corinthians, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Cruzeiro, Coritiba, Grêmio, Santos e Palmeiras negociam seus direitos separadamente, sendo que o Grêmio já fechou com a Globo.

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host