UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2011/07/02/figura-do-dedo-duro-assombra-ambiente-no-palmeiras-desde-o-ano-passado.htm
  • Figura do dedo-duro assombra ambiente no Palmeiras desde o ano passado
  • 29/06/2017
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
02/07/2011 - 07h03

Figura do dedo-duro assombra ambiente no Palmeiras desde o ano passado

Luiza Oliveira
Em São Paulo
  • A curiosa imagem acima é de uma mensagem deixada nesta segunda, no fim do dia, no quadro de avisos do vestiário dos jogadores do Palmeiras no CT. Bilhetes iguais foram colocados na sala de Felipão e no local reservado para os atletas lancharem. É o auge da obsessão palmeirense por estancar o vazamento de informações de seu departamento de futebol. Pela denúncia, o conselheiro Gilto Avallone seria o informante.

    A curiosa imagem acima é de uma mensagem deixada nesta segunda, no fim do dia, no quadro de avisos do vestiário dos jogadores do Palmeiras no CT. Bilhetes iguais foram colocados na sala de Felipão e no local reservado para os atletas lancharem. É o auge da obsessão palmeirense por estancar o vazamento de informações de seu departamento de futebol. Pela denúncia, o conselheiro Gilto Avallone seria o informante.

Dedo-duro, fonte, informante, cagoeta. Não importa o nome. A figura é o pavor de qualquer diretoria e comissão técnica de clube de futebol. No Palmeiras isso é ainda pior. O vazamento constante de informação vem assombrando o clube há mais de um ano e não consegue ser combatido.

A cada dia, informações sobre contratações ou assuntos confidenciais surgem nos veículos de comunicação. O técnico Luiz Felipe Scolari vem demonstrando irritação e, em diversas vezes, anunciou a caça do dedo-duro até com estratégias.

“Muita notícias têm sido vazadas e isso faz com que a gente pegue o Huguinho, o Zezinho e o Pedrinho. Estamos começando a nos organizar e vamos ver as coisas melhores lá no Palmeiras para não ter confusão no dia a dia do clube. Fazendo isso sobra tempo para olhar o trabalho em campo”, disse.

O último episódio expõe claramente a irritação no próprio clube com o vazamento de informações. O Blog do Perrone divulgou a imagem de um bilhete que estava colado no vestiário pedindo cuidado com Gilto Avallone, conselheiro que receberia informações privilegiadas.

A situação vem sendo recorrente. Felipão já havia reclamado do vazamento de que o atacante argentino Alejandro Martinuccio estaria fechado com o Palmeiras. Em sua visão, a divulgação despertou o interesse de outros clubes e atrapalhou a negociação.

Após os incidentes, o diretor de futebol Roberto Frizzo admitiu que é preciso resguardar mais o que acontece no clube. “Precisamos nos fechar mais. Um time vencedor não se faz só com futebol em campo”, disse, em entrevista à rádio Jovem Pan.

Mas não é de hoje que o Palmeiras vem tendo problemas com os informantes. Em maio do ano passado, o técnico Antonio Carlos, que acabara de ser demitido, denunciou a existência de um dedo-duro e disse até que gostaria de dar uns ‘sopapos nele’.

A polêmica surgiu por causa do atraso de Robert e de outros jogadores no retorno ao hotel do time no Rio de Janeiro após um jogo contra o Vasco pelo Campeonato Brasileiro. O ato de indisciplina gerou uma reprimenda de Antônio Carlos. O centroavante se rebelou e discutiu com o treinador. Os dois teriam chegado a trocar socos e empurrões.

Já neste ano, o jornal Marca divulgou que um atleta da base estaria irritado com Marcos Assunção. Segundo o jovem, o volante fazia o papel do ‘leva e traz’ passando informações para Felipão.

Placar UOL no iPhone