Topo

Futebol


Zagueiro histórico do Grêmio, Airton Pavilhão morre aos 77 anos

Do UOL, em Porto Alegre

2012-04-03T15:42:07

03/04/2012 15h42

Faleceu nesta terça-feira o ex-zagueiro do Grêmio Airton Ferreira da Silva, conhecido como Pavilhão. Aos 77 anos, ele estava internado em estado grave desde a última sexta-feira com infecção generalizada nos órgãos. O velório do ex-defensor ocorrerá no Salão Nobre do Conselho Deliberativo do Grêmio.

Às 14h55 desta terça, o ex-jogador não resistiu a infecção. Airton foi jogador do Grêmio entre 1954 e 1960, depois passou pelo Santos, regressando ao time do Olímpico entre 1961 e 1967. O apelido de Pavilhão ocorreu quando de sua negociação do Força e Luz para o Grêmio, em 1954. Seu 'passe' foi trocado por um pavilhão de arquibancadas, que o clube tricolor cedeu ao extinto Força e Luz, na época.

Ele é reconhecido como um dos melhores zagueiros da história do Grêmio. Ainda consta em sua carreira, a honra de ter sido o único jogador a aplicar um 'chapéu' em Pelé, num duelo entre Grêmio e Santos. E sete convocações para a seleção brasileira.

Atualmente o Pavilhão era conselheiro e vivia envolvido com seu clube de coração. Em sua homenagem, o clube nomeou o pavilhão de arquibancadas do CT de Eldorado do Sul como 'Arquibancada Airton Pavilhão'.

Desde sexta-feira ele sofria com infecção generalizada dos órgãos e o quadro foi se agravando até esta terça. O Hospital Ernesto Dorneles, onde ele estava internado, confirmou o falecimento. A família de Airton prefere não se manifestar.

Mais Futebol