Topo

Futebol


Palmeiras renovará por três anos com revelação pretendida pelo Corinthians

FABIO MENOTTI / PALMEIRAS /DIVULGAÇÃO
Bruno Dybal, meia do Palmeiras na Copa São Paulo de Juniores de 2012 Imagem: FABIO MENOTTI / PALMEIRAS /DIVULGAÇÃO

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

2012-04-13T11:42:08

13/04/2012 11h42

O Palmeiras entrou em acordo com Bruno Dybal e com os empresários do jogador para renovar seu contrato por três anos. Pretendido pelo Corinthians, o meia chegou a ser alvo de chantagem da DIS para que o clube pagasse a dívida de R$ 1,5 milhão entre as partes por causa de negócios envolvendo Deyvid Sacconi e Tinga.

O novo acordo prevê uma redução dos direitos econômicos nas mãos do Palmeiras. O clube deixa de ter 70% e passa a ter 50%. Os outros 50% serão divididos da seguinte forma: 20% para a FootbalTalent, um grupo de empresários que cuida da carreiras de vários jogadores, 15% para a DIS e outros 15% para o pai de Dybal.

O antigo contrato, que valia até 30 de abril de 2013, vai passar a ter a duração até abril de 2015, o que evita que o atleta já pudesse fazer um pré-contrato com outra equipe sem dar nenhum retorno ao Palmeiras já no fim deste ano. Os advogados das partes analisam os documentos para que a assinatura pode ser feita nos próximos dias.

Na última quinta-feira, em treino fechado para a imprensa, Dybal participou de um jogo entre Palmeiras e Palmeiras B e recebeu elogios da comissão técnica do profissional. Ele já foi destaque na Copa São Paulo deste ano e recebeu elogios do gerente de futebol, César Sampaio, após a competição.

Para acertar a negociação, como o UOL Esporte já havia revelado, o presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, marcou até reunião com os pais de Dybal.

Mais Futebol