UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/10/01/filha-de-dunga-diz-que-criticas-as-camisas-do-pai-a-fizeram-repensar-a-carreira.htm
  • Amadurecida após críticas, filha de Dunga Gabriela Verri abre loja
  • 25/05/2017
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
As camisas usadas por Dunga no comando da seleção brasileira despertavam atenção

As camisas usadas por Dunga no comando da seleção brasileira despertavam atenção

01/10/2012 - 06h00

Amadurecida após críticas, filha de Dunga Gabriela Verri abre loja

Rodrigo Durão Coelho
Do UOL, em São Paulo*

A estilista Gabriela Verri, filha do ex-técnico da seleção Dunga, abriu em agosto sua loja e ateliê em Porto Alegre.

Em entrevista exclusiva ao UOL, ela disse que as inúmeras críticas recebidas quando seu pai comandava a equipe a fizeram repensar se queria mesmo seguir a carreira de estilista de moda.

Durante o período em que o tetracampeão esteve no comando do selecionado, entre 2006 e 2010, as camisas vistosas despertaram atenção. Muitas delas foram presentes de Gabriela.

“Foi difícil. Mas foi bom para eu saber que era isso mesmo que eu queria”, disse a estilista de 26 anos.

 “Eu demorei para engrenar na carreira. Depois de me formar em 2008 (Tecnologia em Moda e Estilo, na faculdade de Caxias do Sul), fui fazer um curso em Roma, o que me deu tempo para pensar entraria na profissão.”

 “O pior período foi durante a Copa do Mundo, quando todo mundo falava no meu pai”, completa.

Ao contrário do que foi noticiado à época por alguns meios de comunicação, Gabriela diz que não desenhou nenhuma das camisas usadas por seu pai.

“Não desenhava peças masculinas. Eram presentes, dados em datas comemorativas”, explica.

“Dou toques para modernizar o vestuário de várias pessoas da minha família, mas é algo bastante informal”, completa.

 

GABRIELA, FILHA DE DUNGA

  • Divulgação

    Gabriela abriu seu ateliê em agosto deste ano

A estilista abriu em agosto sua loja, em Porto Alegre, na qual produz e comercializa peças femininas criadas por ela.

 

As peças exclusivas são feitas em número bastante limitado, de olho no mercado de luxo.

A coleção verão de 2013, inclui 37 peças de vestuário entre blusas, camisas, vestidos, calças, shorts e saias e 27 acessórios, como bolsas, colares, pulseiras e cintos.

A inspiração deste trabalho foi Monte Carlo, em Mônaco, local visitado várias vezes por Gabriela com pai.

Além de vender as peças na loja, localizada no bairro Tristeza, elas são comercializadas online.

 

*Atualizada às 14h17.

Placar UOL no iPhone