UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/03/01/marcinho-inicia-trabalho-pelo-asa-e-reconhece-cansaco-nos-primeiros-treinos-fisicos.htm
  • Marcinho inicia trabalho pelo ASA e reconhece cansaço nos primeiros treinos físicos
  • 22/05/2018
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
01/03/2013 - 15h54

Marcinho inicia trabalho pelo ASA e reconhece cansaço nos primeiros treinos físicos

Do UOL, no Rio de Janeiro
  • Marcinho chegou essa semana e não poderá ajudar o ASA na semifinal da Copa do Nordeste

    Marcinho chegou essa semana e não poderá ajudar o ASA na semifinal da Copa do Nordeste

Um dos reforços do ASA para o restante da temporada, Marcinho começou a treinar  na quinta-feira. O meia estava atuando no futebol europeu nos últimos anos e não escondeu seu cansaço nos primeiros treinos físicos.

O jogador afirmou que os treinos são mais puxados e, além disso, está precisando se reacostumar com o calor porque enfrentou baixas temperaturas em seus clubes anteriores.

“Fiquei muito tempo fora do Brasil e está sendo complicado trabalho sob sol forte. Não vou esconder que está ruim trabalhar a parte física nesse início. Porém, eu sei que é importante para eu pegar o ritmo de jogo logo”, afirmou, em entrevista à Rádio Jornal (AL).

O meio-campo de 31 anos defendeu o CRB e o Santos quando estava no futebol brasileiro. Ao deixar o país defendeu o Marítimo (Portugal), APOEL (Chipre) e Levski Sofia (Bulgária). Ele comentou sobre a mudança em seu jogo após essa bagagem internacional.

“Antes de sair do Brasil eu gostava de pegar a bola e ir para cima dos adversários. Agora eu prefiro cadenciar mais o jogo e dar passes importantes”, destacou.

Como chegou na fase final da Copa do Nordeste, Marcinho não poderá ajudar sua equipe no domingo, às 18h30, quando o ASA encara o Ceará, no Castelão, pelo jogo de volta da semifinal da competição regional.

“Infelizmente não vou poder ajudar em campo, mas vou procurar passar força na torcida. Essa competição é muito importante para o povo de Alagoas e seria algo histórico para o clube”, encerrou.

Placar UOL no iPhone