UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/05/07/sem-informar-custo-ministerio-do-esporte-confirma-libertadores-feminina-para-novembro-em-foz-do-iguacu.htm
  • Ministério do Esporte confirma Libertadores feminina para novembro em Foz do Iguaçu
  • 19/11/2018
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Cristiane comemora gol do Brasil sobre Portugal em 2012: mais apoio à modalidade

Cristiane comemora gol do Brasil sobre Portugal em 2012: mais apoio à modalidade

07/05/2013 - 12h00

Ministério do Esporte confirma Libertadores feminina para novembro em Foz do Iguaçu

Aiuri Rebello
Do UOL, em Brasília

A quinta edição da Copa Libertadores da América de futebol feminino acontecerá em Foz do Iguaçu (PR) em novembro, no estilo de um "torneio de verão" (com duração entre uma e duas semanas), e contará com a participação de oito times, quatro brasileiros e quatro de outros países da América do Sul. De acordo com o titular da Secretaria Nacional de Futebol e Direitos do Torcedor, Toninho Nascimento, em entrevista exclusiva ao UOL Esporte, a organização é uma iniciativa do Ministério do Esporte com a Conmebol (Confederação Sul-Americana de futebol) sem a participação da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

"O futebol feminino é o patinho feio no Brasil", afirma o secretário. "É triste mas é verdade. Assim, decidimos atuar mais incisivamente para promover a modalidade no país", diz Nascimento. "Sei que não é o modelo ideal, mas temos que começar de alguma forma. Precisamos de um calendário para estas atletas competirem o ano todo", diz o secretário.

Apesar de confirmar que o torneio será realizado, questionada sobre o valor do investimento que o governo irá realizar na organização, quais os times participantes e seu critério de escolha, a pasta do Esporte afirma, através de sua assessoria de imprensa pelo telefone, que há um compromisso com a Conmebol de não divulgar mais detalhes sobre o assunto. A entidade máxima do futebol sul-americano irá promover um anúncio oficial em breve, diz a pasta do Esporte. 

A ex-jogadora da seleção brasileira Mariléia dos Santos, conhecida como a "Michael Jackson", coordenadora geral de Futebol Feminino no Ministério do Esporte, recusou-se a dar uma entrevista ao UOL Esporte sobre o assunto. Procurada pela reportagem, a Conmebol não se pronunciou sobre o assunto.

Em 2012, o torneio aconteceu em Pernambuco nos municípios do Recife, Caruaru e Vitória de Santo Antão e reuniu dez equipes. O time vencedor foi o Colo-Colo, do Chile. Em 2011, o campeão foi time feminino brasileiro São José. Nas edições de 2009 e 2010,  campeão foi o Santos.

Campeonato Brasileiro

De acordo com Nascimento, o Ministério do Esporte estuda criar também, desta vez em parceria com a CBF, o Campeonato Brasileiro feminino. "Estamos dependendo de patrocínio. Aguardamos uma reposta da Caixa [Econômica Federal]", diz Nascimento.

De acordo com ele, a ideia é que o campeonato aconteça ainda este ano, de julho a dezembro, com a participação de 32 times divididos em grupos ou chaves regionais. Hoje, o único evento fixo no calendário do futebol feminino brasileiro é a Copa do Brasil, sempre realizada no começo do ano. "Após isso, muitas jogadoras, várias da seleção, ficam sem atividade", diz Nascimento. 

Placar UOL no iPhone