UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/05/31/muricy-fala-em-orgulho-agradece-santos-e-deseja-sorte-na-caminhada.htm
  • Muricy fala em orgulho, agradece Santos e deseja "sorte na caminhada"
  • 20/08/2017
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Muricy Ramalho evitou comentar demissão e se limitou a agradecimentos ao Santos

Muricy Ramalho evitou comentar demissão e se limitou a agradecimentos ao Santos

31/05/2013 - 19h15

Muricy fala em orgulho, agradece Santos e deseja "sorte na caminhada"

Do UOL, em São Paulo

Dispensado do Santos após pouco mais de dois anos à frente do clube, Muricy Ramalho se manifestou através de uma nota enviada por sua assessoria de imprensa. Sem citar a demissão, o técnico agradeceu ao clube paulista e desejou sorte na caminhada a partir de agora.

"Quero agradecer ao comportamento e ao apoio dos torcedores e de todas as pessoas com quem tive o orgulho e satisfação de trabalhar neste período, aos funcionários, atletas e membros da comissão técnica, que são profissionais de altíssimo nível e além da diretoria do Santos. Quero desejar a eles boa sorte em sua caminhada".

Muricy Ramalho
Muricy Ramalho
#uolbr_tagAlbumEmbed('tagalbum','14403', '')

A divulgação aconteceu depois de uma reunião entre os dirigentes alvinegros e Marcio Rivellino, empresário do treinador, que tratou da multa rescisória que será paga pelo clube. Muricy, que está em Ibiúna, já havia sido comunicado da decisão na noite de quinta.

Agora, as partes apenas negociam os últimos detalhes jurídicos. A multa do treinador, por contrato, se aproxima dos R$ 4 milhões e foi, por alguns meses, o grande trunfo de Muricy diante da pressão pela sua saída. A assessoria de imprensa do Santos confirma que o clube vai pagar a rescisão do contrato ao treinador, mas o valor exato depende da negociação entre as partes.

Muricy Ramalho, a princípio, deve descansar um pouco antes de assumir uma nova função. Embora tenha ressaltado que as coisas podem mudar com o decorrer do mercado, Tata, auxiliar e braço direito do treinador, disse ao UOL Esporte que é "bem provável" que ele fique um tempo afastado dos gramados.

Já sem Muricy Ramalho, o Santos será dirigido neste sábado, contra o Grêmio, por Claudinei Oliveira, técnico da equipe sub-20, que pode até seguir como interino por mais tempo. A partida na Vila Belmiro é válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. 

QUEM DEVE SUBSTITUIR MURICY NO COMANDO DO SANTOS? VOTE NA ENQUETE

  • Pedro Ladeira/Folhapress

Placar UOL no iPhone