UOL futebol

Mercado da Bola

Confira tudo o que acontece no mercado do futebol nacional

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/07/02/por-robinho-santos-quer-repetir-estrategia-de-amistosos-e-abater-pedida-do-milan.htm
  • Por Robinho, Santos quer repetir estratégia de amistosos e abater pedida do Milan
  • 23/08/2017
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Robinho reduziu pedida salarial e aceita receber R$ 1 milhão, livre de impostos

Robinho reduziu pedida salarial e aceita receber R$ 1 milhão, livre de impostos

02/07/2013 - 06h00

Por Robinho, Santos quer repetir estratégia de amistosos e abater pedida do Milan

Samir Carvalho
Do UOL, em Santos (SP)

Apesar dos altos valores financeiros, o Santos ainda não desistiu de contratar o atacante Robinho, do Milan, da Itália. O UOL Esporte apurou que o Comitê de Gestão do clube pretende propor a estratégia de amistosos, adotada na transferência de Neymar ao Barcelona, da Espanha, para abater a pedida do clube italiano, que não abre mão de receber 10 milhões de euros (cerca de R$ 28 milhões) pelo ídolo santista.

A estratégia da diretoria alvinegra é que o Milan embolse toda a renda do amistoso entre os times e, por conta disso, reduza o valor pedido por Robinho.

O Santos voltou a acenar com a volta de Robinho após uma conversa recente com o jogador. Isso porque o atacante aceitou receber R$ 1 milhão de salário mensal, livre de impostos. Mesmo assim, o clube acredita que o valor pode subir para R$ 1,5 milhão por causa dos encargos trabalhistas.

No mês passado, além dos rossoneros pedirem 10 milhões de euros, o ex-camisa 7 da Vila Belmiro queria receber cerca de R$ 1,3 milhão de ordenado mensal. Desta forma, a diretoria santista chegou a descartar a contratação de Robinho durante a abertura da janela de transferências neste mês.

“As cifras levantadas pelo representante do Milan, tanto os valores destinados ao Milan, quanto ao Robinho, consideramos elevados. É mais ou menos isso (R$ 1,3 milhão). Acho muito difícil, a gente vem conversando com o Milan, são pessoas que o Robinho indicou, mas os números apresentados, se não sofrerem nenhuma revisão, se torna impossível”, afirmou o vice-presidente do Santos, Odílio Rodrigues há cerca de duas semanas.

Por falta de interesse do Milan, a diretoria do Santos descartou envolver algum jogador na transação para abater o alto preço de Robinho. Se não bastasse, o meia Felipe Anderson, que poderia ser usado como “moeda de troca” foi negociado coma Lazio, da Itália. “Milan não tem interesse em jogadores do Santos”, disse o dirigente.

Enquanto sonha com Robinho, o Santos fechou nesta semana as contratações dos laterais Cicinho, ex-Ponte Preta, e Eugenio Mena, ex-Universidad de Chile. Além da dupla, o clube ainda tenta contratar o atacante Ignacio Scocco, astro do Newell's Old Boys da Argentina.

O Santos tenta reforçar o elenco com atletas consagrados para facilitar a adaptação das novas revelações do clube, como Neilton, Leandrinho, Gabriel, Pedro Castro e companhia. Em 2010, Robinho, por exemplo, foi contratado por empréstimo e foi importante na ascensão de Neymar e Paulo Henrique Ganso. O trio comandado pelo técnico Dorival Júnior conquistou a Copa do Brasil e o Campeonato Paulista no primeiro semestre daquele ano.

Robinho
Robinho
#uolbr_tagAlbumEmbed('tagalbum','14464', '')

Placar UOL no iPhone