Morre ex-volante Liminha, oitavo jogador que mais atuou pelo Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro*

Flamengo
Flamengo

Morreu na noite da última sexta-feira, por conta de uma infecção generalizada, o ex-volante João Crevelim, mais conhecido como Liminha, que defendeu o Flamengo entre 1968 e 1975. O ex-jogador trabalhava nas categorias de base do clube rubro-negro, mas foi demitido em março. Ele tinha 69 anos e estava internado no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do Hospital TotalCor. 

Liminha foi o oitavo jogador que mais atuou com a camisa do Flamengo, tendo disputado 513 partidas e marcado 29 gols. Famoso por ser combativo na marcação, recebeu o apelido de 'carregador de piano' e conquistou os Cariocas de 1972 e 1974. Após se aposentar, chegou a ter uma passagem como treinador da equipe profissional em 2005. 

A morte do ex-treinador da base causou comoção em alguns jovens que atualmente estão no profissional. O atacante Mattheus, filho de Bebeto, foi um dos que lamentaram a perda.

"Muito triste em saber que o Liminha, que foi meu treinador no Juvenil e que me ajudou muito, faleceu! Que Deus conforte seus familiares", disse Mattheus.

O corpo de Liminha será velado pela manhã neste sábado, no cemitério de Irajá. O Flamengo publicou uma nota de falecimento exaltando a passagem do jogador pela Gávea e a raça que demonstrava em campo.

* Atualizada às 11h40

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos