Marcelo monitora 'novos' Lucas Silva e Vinícius Araújo no Cruzeiro

Dionizio Oliveira

Do UOL, em Belo Horizonte

Apesar do numeroso e badalado elenco do Cruzeiro, o técnico Marcelo Oliveira têm dado espaço a jogadores revelados nas categorias de base e no momento tem dois pratas da casa como titular: Mayke e Luca Silva, além de Alisson, que vem ganhando espaço. Nessa linha a comissão técnica monitora dois novos talentos.

O atacante Judivan, de apenas 19 anos, já participa de treinos com o elenco profissional, chegou a ser relacionado para o jogo contra o Santa Rita e passou a conviver com o ambiente do clube.

O volante Bruno Edgard sofreu uma lesão recentemente e por isso não está treinando com o profissional. No entanto, a comissão técnica também já está de olho na revelação, que é comparado nas categorias de base a Ramires, que jogou no Cruzeiro entre 2007 e 2009 e atualmente defende o Chelsea, da Inglaterra.

Os dois já estão trilhando caminhos semelhantes aos de Vinícius Araújo e Lucas Silva, e são considerados substitutos. O ex-atacante celeste também subiu com Marcelo Oliveira, teve boa participação na conquista do título brasileiro e somente após uma temporada foi negociado, com o Valencia, da Espanha, por 3,5 milhões de euros.

Lucas Silva, por sua vez, só conseguiu uma sequência de oportunidades quando Marcelo chegou ao clube e se firmou como titular no meio-campo celeste desde o Brasileirão do ano passado. Nesta temporada se tornou peça fundamental no esquema do treinador.

Tanto que hoje Lucas é um dos nomes mais especulados para sair do Cruzeiro e ser negociado com o futebol europeu, despertando interesse de clubes como Manchester United, Barcelona, Atlético de Madrid, Inter de Milão e Tottenham.

De olho no futuro, o Cruzeiro renovou recentemente o contrato dos dois atletas. O vínculo de Judivan vai até 2018 e de Bruno Edgard, de 20 anos, até 2019. Marcelo Oliveira já tem planos para a dupla e antecipou a integração do atacante ao profissional.

"O Judivan já vai ficar conosco, solicitei que ele ficasse, mesmo que ele não participe dos jogos neste momento. É uma posição que tem uma concorrência grande, mas é importante para ele ir se ambientando no profissional. É um jogador que tem um futuro promissor. O Bruno também um pouco mais para frente a gente deve trazer", afirmou o treinador.

Alisson, que também subiu para o profissional recentemente, disse que Judivan mostrou potencial para crescer no Cruzeiro. "É um grande jogador, muito bom mesmo. Até pela idade dele, com certeza quando tiver a oportunidade vai aproveitar da melhor maneira possível, como tem acontecido com os jovens", destacou.

O presidente Gilvan demonstra satisfação com o trabalho desenvolvido pelo treinador, que além de bom retorno técnico tem ajudado nas finanças do clube. O Cruzeiro faturou quase R$ 30 milhões com as vendas de Vinícius Araújo e Wallace, que foi negociado com o Braga, por 9 milhões de euros e repassado ao Mônaco.

"No nosso time, do ano passado, tínhamos 11 atletas figurando no nosso plantel, o que diminui o custo e colocar atletas mais jovens que terão um bom valor econômico para completar o elenco. Quando não puderem mais ficar no clube, eles se tornam ativos financeiros, têm um valor econômico e, se vendidos, irão trazer receitas enormes para o clube", ressalto ou presidente em entrevista à TV Cruzeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos