Topo

Futebol


Falha em sistema da Justiça "cancela" punição a Gaviões da Fiel

Pedro Lopes

Do UOL, em São Paulo

2014-12-05T06:00:00

05/12/2014 06h00

Na última semana, a 23ª Vara Cível de São Paulo publicou uma decisão na qual suspendia, por quatro meses, todas as atividades da torcida organizada e escola de samba Gaviões da Fiel. A medida impedia a entrada de seus membros em estádios, e inviabilizava a preparação e o desfile do Carnaval de 2015. Tudo, porém, não passou de um mal entendido.

A decisão ocorreu em um processo movido pelo Ministério Público, devido a uma briga com torcedores do São Paulo em outubro do ano passado, e surpreendeu a organizada. Seu advogado, Davi Gebara, disse ao UOL Esporte que iria recorrer.

Gebara, entretanto, percebeu que o texto da decisão que punia a torcida era idêntico ao de outra publicada em novembro de 2013, da qual a Gaviões já havia recorrido e tinha conseguido suspender seus efeitos. Com isso, o advogado fez uma petição.

Na resposta, a juíza Carmen da Silva afirmou que a punição da semana passada era apenas uma republicação da decisão do ano passado, devido a alguma falha no sistema eletrônico do poder judiciário na hora da intimação do Ministério Público.

Com o despacho, a Gaviões da Fiel está liberada tanto para comparecer a qualquer jogo do Corinthians como para preparar seu desfile de carnaval do ano que vem.

A ação é parte de um conjunto de processos movidos pelo MP que visam a extinção da organizada corintiana. Na decisão de 2013, o órgão chegou a conseguir proibir as atividades da torcida, que recorreu e suspendeu a punição. Uma decisão definitiva deve ocorrer nas próximas semanas.

Mais Futebol