Técnico recordista no futebol mineiro, Levir vai virar top 3 no Atlético

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Site do Atlético-MG

    Levir Culpi recebeu placa comemorativa aos 200 jogos à frente do Atlético-MG, em setembro de 2014

    Levir Culpi recebeu placa comemorativa aos 200 jogos à frente do Atlético-MG, em setembro de 2014

Nenhum outro técnico tem tantos jogos dirigindo as duas principais equipes de Minas Gerais como tem Levir Culpi. São quase 500 partidas se somadas as quatro passagens pelo Atlético-MG e as três pelo Cruzeiro. Segundo treinador que mais dirigiu a equipe celeste na história, o paranaense que se deu muito bem em Belo Horizonte vai se tornar o terceiro que mais comandou o time atleticano.

Na partida amistosa desta quarta-feira, contra o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, Levir Culpi vai alcançar a marca de 227 jogos no comando do Atlético. Número que o deixará na terceira colocação, empatado com Barbatana, mas já com data para se isolar entre os top 3. O duelo com o Tupi, no dia 1/2, às 17h, no Independência, na abertura do Campeonato Mineiro, vai colocar Levir sozinho na terceira colocação.

"Eu sinceramente não fico fissurado nessa coisa de números de jogos. Mas quando eu descubro, eu acho muito interessante. Tenho é que agradecer as pessoas que confiaram em mim. É quarta vez que estou aqui no Atlético. É uma coisa realmente inexplicável para mim, essa empatia que existe com o futebol mineiro. Já passei três vezes pelo Cruzeiro também", comentou o treinador que agora é atleticano, mas é muito respeitado pela torcida rival.

Se no Atlético a busca de Levir é para entrar no grupo dos três primeiros, no Cruzeiro ele está melhor colocado. Foram 257 jogos no comando da equipe celeste, o que faz dele o segundo que mais treinou time, atrás apenas de Ilton Chaves, com 362 partidas. A característica de ficar longos períodos por onde passa faz com que Levir estabeleça algumas marcas. Ele lembrou até de uma no futebol japonês.

"No Japão eu sou o técnico estrangeiro com o maior número de jogos. Consegui passar o Nelsinho, só que ele ficou no Japão e vai me passar. São números interessantes, mas eu vejo surpreso quando alguém me fala sobre o assunto, pois passou naturalmente para mim", brincou Levir Culpi, que para subir mais no ranking atleticano vai precisar ficar bastante tempo na Cidade do Galo.

A lista dos treinadores do Atlético é encabeçada por Telê Santana. O técnico campeão brasileiro em 1971 dirigiu o time em 434 oportunidades. O segundo lugar pertence a Procópio Carodzo, que foi campeão da Conmebol em 1992 e comandou a equipe alvinegra em 328 jogos. Levir precisaria ficar pelo menos mais um ano e meio no comando do Atlético para assumir a segunda colocação e no mínimo mais três temporadas para superar Telê Santana.

Com 483 partidas à frente dos principais clubes de Minas Gerais, Levir Culpi é o líder isolado nesse ranking e caminha para completar 500 partidas em breve. Caso o Atlético não confirme nenhum amistoso nos próximos dias, essa marca vai ser alcançada na primeira partida da semifinal do Campeonato Mineiro, prevista para 12 de abril.

"Muito legal esses números. Quando for completar 500 jogos, eu vou tentar marcar um amistoso entre Atlético e Cruzeiro. Aí vou fazer como fazem alguns jogadores nessas partidas comemorativas e comandar cada time em um tempo", brincou Levir, que até tem uma meta traçada para os próximos anos.

"Agora só falta ir treinar o América e conseguir essas marcas lá também", finalizou aos risos o treinador que conseguiu vencer uma Copa do Brasil, uma Recopa e dois estaduais com cada um dos gigantes de Minas Gerais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos