Topo

Futebol


Cúpula confirma que Júlio Baptista vai deixar o Cruzeiro ao fim do contrato

Washington Alves/Light Press
Júlio Baptista não seguirá no Cruzeiro, segundo o supervisor de futebol Benecy Queiroz Imagem: Washington Alves/Light Press

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

2015-04-01T12:43:32

01/04/2015 12h43

A passagem de Júlio Baptista pelo Cruzeiro está próxima de um fim. Depois de um ano e sete meses defendendo as cores do clube de Belo Horizonte, onde se sagrou bicampeão brasileiro, a diretoria já dá como certa a saída do meia-atacante ao término de seu contrato, no fim do mês de julho deste ano.

Em conversa informal com a imprensa, o supervisor de futebol Benecy Queiroz não esconde que a intenção é liberá-lo ao término do compromisso. A sua saída permite um alívio na folha salarial. O atleta recebe atualmente vencimentos de R$ 400 mil mais R$ 500 mil em luvas diluídas, o que gera pagamento de R$ 900 mil mensais.

No fim do mês passado, o UOL Esporte fez um levantamento do número de partidas disputada pelo atleta em relação aos valores recebidos. Na contramão do ótimo salário, o mais elevado do elenco, o antigo camisa 10 do bicampeão nacional disputou 54 partidas no período que esteve em Belo Horizonte. O número corresponde a três compromissos por mês, o que equivale a R$ 300 mil por duelo disputado na equipe comandada por Marcelo Oliveira.

As poucas aparições do apoiador têm explicações plausíveis. A primeira delas é a baixa produtividade. Nos quase dois anos de Cruzeiro, onde atuou no meio de campo e na função de centroavante, ele balançou as redes adversárias 16 vezes e deu três assistências, o que corresponde a uma participação por mês.

As lesões também têm impedido que Júlio Baptista tenha uma sequência entre os comandados de Marcelo Oliveira. Desde o seu retorno ao futebol brasileiro, ele conviveu com dificuldades físicas. Foram dois estiramentos na panturrilha e um na coxa, todos na perna esquerda, além de duas contusões joelho direito. Os problemas clínicos tiraram o jogador de 24 partidas do Cruzeiro.

Recentemente, La Bestia, como o atleta é conhecido, passou por uma cirurgia em Barcelona, na Espanha, para corrigir uma lesão na cartilagem do joelho direito. O responsável pela operação do meia-atacante foi Ramon Cugat Bertomeu, médico do time homônimo da cidade.
 

Mais Futebol