Com Bayern, Chelsea e Juve, metade da elite europeia encaminha campeões

Do UOL, em São Paulo

Sem nem entrar em campo, o Bayern de Munique abriu, no último domingo, a temporada de festa da elite europeia ao conquistar o Campeonato Alemão. Assim como os pupilos de Pep Guardiola, Chelsea e Juventus devem ir pelo mesmo caminho nas próximas rodadas, encaminhando metade dos títulos dos principais torneios nacionais do Velho Continente.

O Bayern ganhou seu 25º Campeonato Alemão de casa, já que o Wolfsburg, vice-líder, perdeu por 1 a 0 para o Borussia Moenchengladbach. A terceira taça seguida veio a quatro rodadas do fim, com o melhor ataque e a possível melhor defesa da história do futebol alemão – são 13 gols tomados contra 18 dos atuais detentores do recorde.

Chelsea e Juventus seguem caminho parecido. Neste fim de semana, os dois times deram mais um passo rumo à conquista antecipada do Inglês e do Italiano, respectivamente. O time de José Mourinho segurou um empate por 0 a 0 contra o Arsenal, segundo colocado, e manteve dez pontos de vantagem.

O Inglês ainda terá mais quatro rodadas, mas o Chelsea tem um jogo a menos que a maioria. Se vencer seus compromissos e contar com o tropeço de rivais diretos, o clube inglês pode comemorar a conquista já na próxima rodada.

Na Itália, mesmo perdendo para o rival Torino a Juventus manteve a vantagem de 14 pontos a seis jogos do fim. Com 18 pontos em disputa, a "Velha Senhora" precisa de duas rodadas favoráveis para vencer o torneio pela quarta vez consecutiva.

Onde ainda há disputa
Nenhum dos campeonatos da elite europeia está mais equilibrado que o Espanhol, disputado palmo a palmo por Barcelona e Real Madrid. Neste fim de semana, mais uma vez, os dois times suaram na briga direta, com os catalães à frente por míseros dois pontos, a cinco rodadas do fim e nenhum confronto direto entre os dois gigantes, que ainda disputam a Liga dos Campeões.

Na França, o PSG segue com seu reinado recente (venceu as duas últimas edições) ameaçado. Hoje, Thiago Silva e companhia têm o mesmo número de pontos do Lyon (68), embora tenham desvantagem nos critérios de desempate. O que pesa a favor da equipe de Paris é que ela tem um jogo a menos que os rivais, portanto alguma vantagem na briga pelo Francês.

Em Portugal, a briga, para variar, está entre Benfica e Porto. O primeiro tem três pontos de vantagem sobre o segundo, que acabou de cair na Liga dos Campeões diante do poderoso Bayern de Munique. A quatro rodadas do fim, o time azul e branco precisa de uma reviravolta para conseguir o título. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos