Topo

Futebol


Neymar é expulso e perderá pelo menos dois jogos da Copa América

Guilherme Palenzuela e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Santiago (Chile)

17/06/2015 23h07

A primeira derrota do Brasil no retorno de Dunga no comando da seleção acabou em confusão, protagonizada por Neymar. O atacante tentou dar uma cabeçada em Murillo após o apito final e foi expulso.

O atacante perderá pelos menos dois jogos, um contra a Venezuela e outro nas quartas de final, caso a seleção se classifique. Essa suspensão poderá aumentar após julgamento nesta sexta-feira.

A grande polêmica sobre a suspensão de Neymar é que ele já teria de perder o jogo contra a Venezuela antes do vermelho, pois recebeu dois amarelos. Como foi expulso direto, a suspensão se acumula.

Quando o juiz encerrou o jogo, Neymar deu uma bolada em Armero. Murillo foi tirar satisfação e tentou acertar uma cabeçada no atacante. O jogador do Barcelona retribuiu a cabeçada ao tentar atingir o colombiano.

Neste momento, o atacante Bacca surgiu e empurrou Neymar pelas costas. Foi no instante em que todos os jogadores entraram em campo.

Depois que a confusão acabou, o juiz foi até a boca do vestiário e Neymar foi expulso. O atacante Bacca também recebeu o vermelho.

Um funcionário da Conmebol diz que Neymar ficará suspenso só por uma partida. Mas, de acordo com o regulamento da competição no site da entidade, ele terá de ficar de fora por dois jogos, perdendo também as quartas de final. O caso será julgado nesta sexta-feira.

Ao comentar a suspensão sobre a expulsão de Neymar, Dunga disse que ainda não foi informado sobre quantos jogos ele terá de ficar de fora. "Não, ainda não. não chegou nada pra gente ainda", falou.

Mais Futebol