Valencia lamenta lesão grave na Copa América e pode se despedir do Santos

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/Santos FC

    Contrato do colombiano com o Santos termina em dezembro deste ano

    Contrato do colombiano com o Santos termina em dezembro deste ano

O volante Edwin Valencia rompeu o ligamento cruzado do joelho direito em partida da seleção da Colombia contra a seleção peruana, na Copa América. O atleta deve ficar mais de seis meses longe dos gramados e pode se despedir do Santos, já que o contrato do colombiano termina em dezembro deste ano.

Valencia agradeceu o apoio da torcida santista em comunicado através de sua assessoria de imprensa e considerou a lesão um "golpe muito duro" em sua carreira.

"Na tarde desta segunda-feira, tive a confirmação de um rompimento do ligamento cruzado do meu joelho direito - que foi um golpe muito duro para mim. A Colômbia se classificou para a próxima fase da Copa América, e eu gostaria de ter contribuído mais para o grande trabalho que está sendo feito nesta competição", afirmou Valencia.

"Eu agradeço muito o apoio dos santistas e colombianos. Foram muitos recados que chegaram da torcida do Santos me incentivando para os jogos na Copa América, inclusive contra o Brasil. Agora, com a minha lesão, estou recebendo várias mensagens positivas para a cirurgia", completou.

Valencia ressalta que ainda não definiu os detalhes de sua cirurgia, que deve ser realizada pelos médicos do Santos.

"O Santos e a Federação Colombiana de Futebol vão decidir, nos próximos dias, como será feita a operação. Espero que a recuperação me deixe ainda mais forte, para que eu volte na melhor forma possível e, talvez, até ajude o meu país a conquistar a Copa América do ano que vem", disse.

"Ainda não sei qual o prazo para retornar, mas, durante todo este tempo de recuperação, estarei firme na torcida pela Seleção Colombiana na Copa América e pelo Santos nas competições deste ano", concluiu.

A posição de volante é mais carente do elenco santista. No início do ano, o jovem Alison, titular da posição, também foi submetido à cirurgia ligamentar no joelho e só deve voltar aos gramados no início do segundo semestre deste ano. No clássico contra o Corinthians, sábado, por exemplo, a dupla de volantes foi formada por Lucas Otávio e o improvisado Rafael Longuine. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos