Sem acordo, Dória deixa o São Paulo e volta à França no próximo domingo

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Adriano Vizoni/Folhapress

    Dória marcou dois gols na rápida passagem de 18 partidas pelo São Paulo

    Dória marcou dois gols na rápida passagem de 18 partidas pelo São Paulo

O zagueiro Dória não deve mesmo continuar no São Paulo. Neste momento, as negociações entre São Paulo e Olympique de Marsella estão paradas. O atleta voltará à França no próximo domingo para se reapresentar ao time francês. 

A retomada da negociação, segundo pessoas próximas ao atleta, ainda não está descartada. O acordo, porém, é muito improvável. Dória foi emprestado ao São Paulo em janeiro deste ano. O contrato chegou ao fim nesta terça-feira. Com isso, o atleta não treinará mais no CT da Barra Funda, tampouco enfrentará o Atlético-PR na noite desta quarta. 

A permanência do defensor tornou-se difícil após o Olympique mudar os termos do primeiro contrato. No começo do ano, Dória chegou ao São Paulo sem custos -- o clube paulista era responsável apenas pelo salário do atleta. Na renovação, o time francês teria pedido um pagamento pelo empréstimo. A crise financeira do São Paulo impossibilitou o novo acordo.  

Dória disputou somente 18 partidas com a camisa do São Paulo, com dois gols marcados. No Campeonato Brasileiro, o zagueiro de 20 anos entrou em campo em todas as nove partidas -- quatro delas sob o comando de Juan Carlos Osorio.

Sem Dória à disposição, o treinador colombiano conta com quatro zagueiros no elenco são-paulino: Rafael Toloi, Edson Silva, Lucão e Breno. No mês passado, o São Paulo vendeu mais dois atletas da posição: Rodrigo Caio e Paulo Miranda.

Dória tem contrato de cinco anos com o Olympique de Marsella e deve reencontrar o técnico Marcelo Bielsa -- o argentino ainda não renovou o contrato com time francês. Anunciado como reforço da equipe em setembro de 2014, o zagueiro não entrou em campo pelo Olympique durante os cinco meses em que treinou no clube. 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos