Argentina trava sem Messi e perde com gol de gremista

Do UOL, em São Paulo

A Argentina não funcionou sem Messi. A seleção sentiu a ausência do jogador do Barcelona e acabou derrotada por 2 a 0 na partida de estreia da seleção contra o Equador pelas Eliminatórias Sul-Americanas, nesta quinta (08), jogando no Monumental de Nuñez. O gremista Erazo foi o autor do primeiro gol equatoriano. 

Parecia que seria um empate sem graça e sem gols. Afinal, o primeiro tempo foi de uma Argentina com muitas dificuldades de criação e, consequentemente, de chegar ao ataque. A equipe pouco fez e apostou muito nas arrancadas de Di María, sem sucesso. O único lance de perigo foi aos 16 minutos, quando Correa finalizou de fora da área, o goleiro Domínguez rebateu a bola meio sem jeito e, no rebote, Agüero finalizou para nova defesa.

Para piorar para a Argentina, Agüero deixou o campo lesionado na coxa esquerda, dando lugar a Tevez. O Equador chegou duas vezes com perigo com Miler Bolaños, que chutou duas bolas para longe do gol.

A Argentina se arrastou no ataque. Mascherano, aos 21 minutos do segundo tempo, desviou cruzamento de Correa. O gol foi salvo pelo goleiro Domínguez. Na sequência, o Equador respondeu com Ayoví em cobrança de falta. Foi a vez do goleiro Romero afastar o perigo.

Aos 35 minutos, veio o castigo pela falta de criatividade no ataque. Erazo completou para o gol após cobrança de escanteio. Para piorar, o adversário ainda ampliou o placar com Caicedo, aos 37, após ataque de muita velocidade equatoriano.

Argentina enfrenta o Paraguai na terça-feira (13), às 21h. No mesmo dia, o Equador pega a Bolívia, às 18h.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos