Como trio com que Fla sonhava foi transformado por Tite no Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

    Renato Augusto, Elias e Jadson: novos jogadores no Corinthians de 2015

    Renato Augusto, Elias e Jadson: novos jogadores no Corinthians de 2015

Eles foram desejados pelo Flamengo em diferentes momentos da temporada, mas ficaram no Corinthians pelo mesmo objetivo: ganhar o primeiro Campeonato Brasileiro de suas carreiras. 

Neste domingo, contra o Flamengo em Itaquera, Elias, Jadson e Renato Augusto têm outra oportunidade de mostrar porque são os donos da equipe corintiana. Na Bola de Prata da Revista Placar, ocupam respectivamente o quinto, o terceiro e o primeiro lugar entre os melhores do Brasileirão.

E, de certa forma, em papéis diferentes aos que realizavam até 2014. Um reflexo prático sobre as mudanças realizadas por Tite em relação a Mano Menezes. Confira:

ELIAS

Antes
No Corinthians 2014, jogava mais recuado que o habitual. Na avaliação de Mano, deveria se revezar em mais de uma função. Ora tinha liberdade para chegar na área, mas muitas vezes era incumbido de ficar próximo dos zagueiros corintianos para auxiliar a saída de bola e liberar outros colegas, como Bruno Henrique. A conclusão era de que Elias não tinha mais fôlego para ir e vir como antes.

Depois
Tite aposta em rígida compactação de setores e na pressão sem bola para que jogadores como Elias se desgastem menos em atacar e defender. No sistema 4-1-4-1, adotado em substituição ao 4-2-3-1, o camisa 7 voltou a jogar de forma mais semelhante aos seus melhores tempos da carreira, de uma área a outra. 

JADSON

Antes

Meia centralizado no Corinthians 2014, iniciou sua passagem pelo clube de forma brilhante e caiu pouco a pouco, na medida em que ganhou peso, perdeu confiança e intensidade. Terminou o ano sem saber se continuaria e como quinta opção para a meia, atrás de Petros, Renato Augusto, Danilo e Lodeiro. 

Depois
Ganhou a posição na véspera da estreia do Paulista, pela venda de Lodeiro. Já em fevereiro, a comissão técnica falava sobre sua melhor condição física, o que possibilitou a Tite designar uma função nova. Jadson passou a atuar pelo lado direito do meio-campo, mas com liberdade para se movimentar por todos os setores com a posse de bola.

RENATO AUGUSTO 

Antes
Realizava função mais ofensiva, com a transição para o ataque com Mano destinada a Elias, Petros e eventualmente Bruno Henrique. Já em 2013, nos tempos de Tite, teve sua condição física acima da média mais explorada e atuou dos dois lados do campo com maior frequência. 

Depois
No sistema 4-1-4-1, ao lado de Elias, se tornou jogador vital para a transição até o ataque. Passou a jogar mais recuado, principalmente para ser desafogo na saída de bola. Na medida em que cresceu fisicamente outra vez, Renato também tem se destacado por arrancadas. É o jogador mais importante para o funcionamento do time. 

CORINTHIANS X FLAMENGO

Data/hora: 25/10/2015, às 17h (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Raphael Pires (GO)

Corinthians
Cássio; Edilson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love
Treinador: Tite

Flamengo
Paulo Victor; Pará, César Martins (Wallace), Samir e Jorge; Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Everton, Kayke (Gabriel) e Guerrero
Treinador: Oswaldo de Oliveira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos