Irmão de Ronaldinho Gaúcho abre o jogo sobre futuro do craque

Do UOL, em São Paulo

  • EFE/EPA/PETER POWELL

    Craque brasileiro deverá atuar nos Estados Unidos ou na Ásia

    Craque brasileiro deverá atuar nos Estados Unidos ou na Ásia

O meia-atacante Ronaldinho Gaúcho ainda está longe de encerrar a carreira. A afirmação foi feita por Roberto Assis, irmão e empresário do jogador, que declarou ter propostas de três países diferentes pelo craque.

Em entrevista ao jornal britânico The Times, Assis destacou que Ronaldinho Gaúcho, que não atua desde setembro de 2015 quando rescindiu contrato com o Fluminense, foi procurado por clubes ingleses, norte-americanos e asiáticos para contar com os serviços do meia, mas a tendência é que ele feche com alguma equipe dos dois últimos interessados.

"São os mais prováveis destinos dele (Estados Unidos ou Ásia). Meu irmão é um competidor, gosta de ganhar. É isso que as pessoas não percebem sobre ele. Não é sobre dinheiro, ele só quer jogar. Isso é o que ele faz mais feliz. Ele ainda quer jogar, nunca teve lesões graves e seu corpo está em perfeitas condições. Eu acho que ele tem três ou quatro anos de futebol, talvez mais", projetou Assis.

Desde a conquista da Libertadores da América pelo Atlético-MG, em 2013, Ronaldinho atravessa um momento delicado. Após deixar o clube no final de 2014, ele teve passagem apagada pelo Querétaro, do México, e pelo Fluminense.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos