R. Oliveira só recebe sondagens e não entra em 'lista de riscos' do Santos

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Ricardo Saibun/AGIF

    Centroavante recebeu ligações da China, do Emirados Árabes e dos Estados Unidos

    Centroavante recebeu ligações da China, do Emirados Árabes e dos Estados Unidos

O atacante Ricardo Oliveira, principal jogador do Santos ao lado de Lucas Lima na temporada passada, permanecerá no clube para disputas as competições deste ano. O UOL Esporte apurou que o centroavante recebeu diversas sondagens da China, dos Emirados Árabes e dos Estados Unidos, mas nenhuma proposta oficial chegou para que ele deixe o alvinegro praiano.

Desta forma, Ricardo Oliveira não entra na chamada "lista de riscos" do Santos. Isso porque a diretoria santista possui uma pequena relação de prováveis atletas que podem deixar o clube no início deste ano.

Caso entrasse na lista, Ricardo Oliveira seria a quinta opção – atrás do meia Lucas Lima, dos atacantes Gabriel Barbosa e Geuvânio e do zagueiro Gustavo Henrique.

Em 2015, Ricardo Oliveira foi artilheiro do Campeonato Paulista, com 11 gols, e do Brasileiro, com 20 gols, além de ficar com a vice-artilharia da Copa do Brasil, perdendo para o companheiro de ataque Gabriel Barbosa. Ele marcou seis contra oito do amigo. Além disso, o centroavante foi convocado por Dunga e defendeu a seleção brasileira nas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia de 2018.

Apesar do grande desempenho, Ricardo Oliveira não chamou a atenção de clubes da Europa. O centroavante, inclusive, negou uma especulação de que estaria na mira d Barcelona, da Espanha, no fim da temporada passada.

Sendo assim, o Santos centraliza seus esforços para manter suas jovens promessas. O clube está confiante que pode manter Lucas Lima até o meio deste ano pelo menos.

Apesar das longas viagens para a Europa, onde passou por Espanha, Inglaterra e França, o empresário Wagner Ribeiro não trouxe nenhuma proposta oficial pelo meia. Além de Lucas Lima, ele também agencia a carreira de Gabriel Barbosa, outro jogador especulado no exterior, mas sem nenhuma oferta oficial.

Geuvânio recebeu uma proposta do futebol chinês, mas não se animou e preferiu ficar no Santos. As "estrelas santistas" acreditam que podem receber propostas da Europa ainda no início deste ano e, por isso, ignoraram o interesse de clubes da China e da Arábia Saudita. A diretoria santista também aconselha os jovens atletas a aguardarem as ofertas de grandes clubes europeus e, com isso, consegue adiar a saída de seus principais jogadores.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos