CBF veta transferência de Bernardo para time da Coreia do Sul

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Divulgação/Ceará

O polêmico atacante Bernardo não defenderá o Ulsan Hyunday, da Coreia do Sul. Pelo menos por enquanto. Essa foi a decisão divulgada nesta terça-feira pela CBF em seu site oficial. A entidade não deu qualquer detalhe sobre os motivos de tal deliberação.

De acordo com a CBF, no entanto, o cancelamento tem ligação direta com uma solicitação do empresário Léo Rabello. O UOL Esporte entrou em contato com o empresário, que não atendeu as ligações da reportagem.

Veja nota da CBF na íntegra:

O Comitê de Resolução de Litígios da CBF comunica a decisão do auditor Carlos Eduardo Cardoso referente ao processo nº 007/2015, tendo como requerente Léo Rabello (agente) e como requerido Bernardo Vieira de Souza (atleta). Está suspensa a autorização de transferência do atleta supramencionado para o clube "Ulsan Hyundai", da Coreia do Sul, bem como para as demais e futuras transferências por ele requeridas, até o cumprimento da presente obrigação e/ou por meio de liberação deste órgão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos