Pelo meio e pelas pontas. Novo reforço dá opções para Deivid no Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

O novo reforço do Cruzeiro ganhou destaque nos holofotes logo cedo, mas deixou o país ainda jovem e hoje retorna dividindo opiniões. Aos 20 anos, o meia Bruno Nazário já conta com a experiência de dois anos na Europa e chega para resgatar o futebol que o projetou para o mundo nos tempos de Figueirense.

O jovem já realizou exames na Toca da Raposa e deverá ser oficializado no time mineiro até esta quarta-feira, data da reapresentação do elenco. Mesmo com pouco tempo de carreira, o meia carrega na bagagem as passagens por dois clubes do exterior e quer usar isso a seu favor para fazer valer a contratação por empréstimo em Belo Horizonte.

Bruno Nazário iniciou sua carreira no Figueirense e foi vendido ao Hoffenheim em 2013. Passou um ano na Alemanha antes de ser emprestado ao Lechia Gdansk, da Polônia, onde atuou na última temporada. Desta vez, o novo empréstimo foi negociado por um ano e meio com o Cruzeiro.

O clube não pagará pela transação do jogador, arcando apenas com os salários, além de ter direito de compra ao fim dos 18 meses. Santos, Grêmio e Flamengo também surgiram como clubes interessados em contar com o meia, mas o jogador optou por Minas Gerais.

"Achamos que seria a melhor opção vir para o Cruzeiro. Só tenho que agradecer ao Bruno (Vicintin, vice-presidente de futebol) pelo apoio e por acreditar no meu trabalho", comentou rapidamente, em entrevista à Rádio Itatiaia.

No primeiro ano na Europa, Bruno Nazário esteve no mesmo plantel que Roberto Firmino, selecionável de Dunga que também servia o Hoffenheim. No entanto, o jovem teve poucas oportunidades na Bundesliga. Já no segundo semestre do ano passado, atuou por nove vezes com a camisa do Lechia Gdansk, anotando duas assistências. "Fiz uma boa temporada, minha característica é de armador, dei assistências, contribuí com o clube e espero fazer o mesmo aqui, buscar meu espaço e dando meu melhor".

A principal característica do reforço celeste dentro de campo é a armação de jogo, e a partir de agora terá como concorrentes os já conhecidos da torcida como De Arrascaeta, Gabriel Xavier, Alisson e Marcos Vinícius. Contudo, jogar pelos lados do campo não será tarefa difícil para o meia.

"Gosto de jogar no meio, dando passes, distribuindo a bola, mas também jogo pelas pontas do gramado. Estarei no Cruzeiro para somar", completou.

Além de Bruno Nazário, Douglas Coutinho e Rafael Silva também já chegaram a Belo Horizonte para realizarem os exames médicos e assinarem contrato com o clube, Sanchez Miño, que já havia sido confirmado pelo presidente Gilvan de Pinho Tavares, é esperado nesta terça-feira. A diretoria ainda trabalha para fechar com o também meia argentino Matías Pisano e o volante colombiano Gustavo Cuéllar.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos