Chelsea como parceiro? Grêmio se anima após contratação de Wallace

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Matt Dunham/AP Photo

    Grêmio estuda firmar parceria para receber promessas sul-americanas do Chelsea

    Grêmio estuda firmar parceria para receber promessas sul-americanas do Chelsea

O Grêmio é o primeiro clube brasileiro a receber um jogador emprestado pelo Chelsea. E quer usar esta aproximação para ter outros atletas no futuro. De olho nas parcerias espalhadas pelo mundo, o Tricolor pretende união ao time de Willian, Oscar e Diego Costa. 

"Eles são muito cuidadosos com tudo. Um clube exemplar", elogiou o vice de futebol gremista, Cesar Pacheco. "Esta união é muito boa para nós", completou. 
 
A negociação com o Chelsea por Wallace foi longa. O Grêmio precisou entrar em contato repetidamente com os Blues e contou com apoio dos representantes do atleta para confirmar sua chegada. 
 
O anúncio oficial só não foi feito ainda por conta da ausência de um documento. Mas ele inclusive já treinou com os demais jogadores gremistas nesta quarta-feira, data da reapresentação do elenco. 
 
E o papel que impede o anúncio mostra toda cautela dos ingleses em firmar o primeiro contrato de empréstimo com brasileiros. Trata-se de um documento que assegura a intenção do jogador em permanecer no clube. O Chelsea procura, através dele, garantir que Wallace está feliz em seu destino. 
 
A estrutura administrativa do Chelsea trabalha há tempo com a série de parcerias ao redor do planeta. A mais forte delas com o Vitesse, da Holanda. O clube recebe as principais promessas do clube que ainda precisam de adaptação à Europa. Wallace, por exemplo, jogou uma temporada lá. 
 
Na América do Sul ainda não há tal representante. Alguém que possa dar sequência a uma promessa contratada e ainda sem espaço no principal do Chelsea. E com a abertura cada vez maior para chegada de atletas jovens do continente, seria interessante tal união. 
 
A ideia é usar o período de 18 meses de Wallace em Porto Alegre para caminhar neste sentido. Quem sabe, ao fim do vínculo o Tricolor possa receber outros jogadores da equipe, que contribuiriam com a qualidade do elenco e ainda ganhariam ritmo para atuar em alto nível na Europa. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos