Sem ceder a pressões, Vasco faz 'jogo duro' para manter Luan e Nenê em 2016

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes / Site oficial do Vasco

    Nenê e Luan ficaram valorizados no mercado da bola após destaque em 2015

    Nenê e Luan ficaram valorizados no mercado da bola após destaque em 2015

Principais alvos cruzmaltinos no mercado da bola, Nenê e Luan, ao menos por enquanto, seguem no Vasco mesmo na Série B. Ciente do assédio em cima dos seus atletas, o clube carioca não tem aceitado investidas de outros clubes brasileiros e promete segurar dois dos principais destaques do time em 2015. 

Principal estrela da companhia, Nenê possui uma proposta do Atlético-MG que, de certa forma, o seduziu. O Vasco, no entanto, faz jogo duro, e não pretende negociar o jogador, com quem tem contrato até o fim de 2016.

Presidente do Cruzmaltino, Eurico Miranda, por mais de uma vez, ressaltou um suposto acordo com o atacante em que só o libera em caso de oferta do exterior, algo que ainda não aconteceu. Para muitos, no entanto, trata-se de mais uma jogada do dirigente para valorizar ainda mais o atleta, no intuito de alcançar valores que o satisfaçam. Recentemente, por exemplo, ele fez questão de emitir uma nota simples e direta no site oficial do clube negando quantias e possibilidades de transferência para o Atlético-MG:

"Quero informar que é mentirosa a matéria divulgada hoje, em Belo Horizonte, que o Vasco pediu 3 milhões de reais pela liberação de Nenê para o Atlético Mineiro. Volto a repetir, a matéria é mentira".

Bom de papo, o técnico Jorginho também entrou no circuito durante as férias e ligou para Nenê no intuito de alertá-lo sobre as vantagens de permanecer em São Januário, ressaltando sua condição de ídolo e a liberdade que lhe é dada em campo em função do esquema tático adotado, algo que pode não encontrar numa outra equipe.

Amigo próximo e companheiro de férias de Nenê, o astro do futsal Falcão, que disputou alguns jogos pelo Fut 7 do Vasco em 2015, foi outro que, durante sua participação no "Jogo das Estrelas", organizado por Zico em dezembro no Maracanã, garantiu a permanência do meia em São Januário, ressaltando o que o jogador conquistou em termos de ligação com o clube.

Já Luan é prata-da-casa e pode fornecer um bom retorno financeiro ao Cruzmaltino. Na reta final do Campeonato Brasileiro de 2015, ele foi sondado pelo Corinthians e até foi comunicado sobre valores salariais e tempo de contrato, porém, mais uma vez, o Vasco utilizou-se do contrato firmado – até julho de 2017 – para dificultar sua saída.

O zagueiro, aliás, foi outro que mereceu uma nota oficial por parte de Eurico Miranda, mais uma vez com o intuito de dar uma valorização ainda maior ao jovem:

"Todo dia aparece o nome do Luan envolvido no noticiário com sua possível saída do Vasco. Então, para acabar com essa novela, quero deixar bem claro que o Luan faz parte daquele grupo de jogadores inegociáveis pelo clube. Luan é um jogador do Vasco, com contrato em vigor e o clube não tem nenhum interesse de negociar seu passe".

Nesta quinta-feira, o técnico Jorginho ressaltou a satisfação de Luan em se reapresentar ao Vasco:

"Na chegada, ficou todo mundo se abraçando, desejando feliz ano novo para todos... Foi um momento bem descontraído.  Foi bom vê-los motivados. A perspectiva é grande. Foi bom ver o Luan, por exemplo, que foi citado em outras equipes, chegando feliz. E foi muito bom ele ter permanecido".

Embora o Cruzmaltino faça jogo duro, o Atlético-MG ainda não desistiu da contratação de Nenê e não descarta envolver jogadores na negociação.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos