Falta de passaporte europeu pode segurar Jemerson no Atlético-MG até julho

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • THOMAS SANTOS/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

    Jemerson foi um dos principais nomes do Atlético-MG no último Campeonato Brasileiro

    Jemerson foi um dos principais nomes do Atlético-MG no último Campeonato Brasileiro

Jogador do Atlético-MG mais cobiçado pelos clubes europeus, o zagueiro Jemerson deve ser negociado nos próximos dias. No entanto, mesmo que seja vendido, o defensor pode continuar na Cidade do Galo até o final da Copa Libertadores, marcada para o dia 27 de julho. Por causa do passaporte europeu, ou melhor, a falta desse documento.

Natural de Jeremoabo, norte da Bahia, Jemerson ainda não possui o passaporte comunitário e nem sequer iniciou o processo para obtenção do documento. O jogador ainda terá de pesquisar a origem de sua família para ver se conseguirá obter cidadania espanhola ou portuguesa.

Isso dificulta uma saída para o futebol europeu nessa janela de transferências, já que muitos dos clubes interessados não possuem mais cotas para extracomunitários. O Milan, da Itália, é um exemplo.

Mas isso não chega a ser um empecilho para a negociação do jogador. Tanto que na próxima semana, durante a Flórida Cup, as conversas sobre a saída do zagueiro vão avançar. O empresário de Jemerson, Alex Zica, tem viagem marcada para os Estados Unidos para a próxima semana. Em contato com o UOL Esporte, o empresário negou que o motivo sejam negociações e disse que vai viajar apenas para acompanhar a Flórida Cup in loco.

Como o UOL Esporte revelou, o desejo do Atlético é negociar Jemerson agora, mas ter o zagueiro para a disputa da Copa Libertadores. Até o momento, o clube mineiro já recebeu quatro propostas e os valores já passam de R$ 50 milhões (cerca de 11,5 milhões de euros). Além de Sevilla-ESP, Milan-ITA, Porto-POR e Monaco-FRA, uma quinta equipe manifestou interesse nas últimas horas. A italiana Roma é mais uma equipe que deseja contar com Jemerson.

Então, até que seja definido o futuro do jogador, Jemerson segue treinando com o Atlético e vai viajar para os Estados Unidos para disputar a Flórida Cup. Ciente sobre o interesse europeu no zagueiro, o técnico Diego Aguirre sabe que é difícil segurar o jogador no Brasil. Mas o treinador do Atlético revelou o desejo de contar com o defensor na Libertadores.

"Jemerson é sem dúvida nenhuma um dos melhores jogadores do futebol brasileiro e acho normal que times da Europa procurem por ele. Vamos ver o que acontece. Se o Jemerosn fica ou não, mas são decisões da diretoria e não posso fazer muita coisa. Logicamente que eu gostaria de contar com ele, no mínimo, para a Taça Libertadores".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos