Reservas decidem, Grêmio vira sobre o Desportivo Brasil e avança na Copinha

Do UOL, em Porto Alegre

Luan e Klaus começaram o duelo entre Grêmio e Desportivo Brasil, neste sábado (09), pela segunda fase da Copa São Paulo, no banco de reservas. E não poderiam imaginar que decidiriam o duelo. Entraram no segundo tempo e marcaram os dois gols do time gaúcho na vitória por 2 a 1, de virada. O resultado classifica o Tricolor para pegar o Ituano na próxima fase. 

Não deu tempo nem de se acostumar com o jogo. Mal havia passado o primeiro minuto de jogo e o Grêmio já estava atrás. Um escanteio encontrou a cabeça de Thiago, que colocou o Desportivo Brasil em vantagem no placar e mudou qualquer estratégia montada previamente pelo comando técnico. 
 
Com um time mais forte fisicamente, porém bem mais lento que seu adversário, o Grêmio adiantou as linhas e tentou marcar no campo de ataque. Conseguiu ter a bola, mas não criou muitas chances. Cruzamentos procurando Nicolas Careca foram as principais ações de quem via o relógio como inimigo. 
 
Enquanto isso, os meninos do Desportivo Brasil mostravam ousadia e um interessante ímpeto ofensivo no contra-ataque. Chegaram sempre com perigo em contra-ataques brecados por faltas ou erros de conclusão. 
 
O segundo tempo seguiu o que aconteceu até o fim dos primeiros 45 minutos. O Grêmio adiantado, dando espaço para o contra-ataque, mas sem conseguir empatar. Aos 13 minutos, Luís Henrique por pouco não fez o segundo do Desportivo Brasil. 
 
Aos 16 minutos, um lance curioso. O zagueiro Thiago, do Desportivo Brasil, derrubou o atacante Luan, do Grêmio, fora do lance. O árbitro apresentou amarelo. Ao achar que o jogador já havia recebido amarelo, o árbitro mostrou o vermelho. Mas foi corrigido pelo quarto árbitro, que informou que Thiago não tinha amarelo antes daquele lance. Prontamente o árbitro foi e cancelou a expulsão.
 
E tanto tentou o Grêmio que conseguiu o empate. Aos 26, um cruzamento da direita encontrou Luan, livre para empurrar para a rede igualando o placar. E três minutos depois, o mesmo Luan, de bicicleta, acertou a trave. 
 
E com a pressão seguindo mesmo após a igualdade, o Grêmio virou. Aos 37, Klaus venceu de cabeça e colocou na rede. E foi tudo. Segunda virada do Grêmio em Itu, a primeira havia sido contra o Ituano, adversário na próxima fase. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos