Essas joias brilharam na Copinha e podem ter chance nos grandes cariocas

Bernardo Gentile e Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Montagem UOL

    Matheus Fernandes, Matheus Sávio, Pedro e Hugo Borges são os destaques de Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco

    Matheus Fernandes, Matheus Sávio, Pedro e Hugo Borges são os destaques de Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco

Diante de um mercado retraído e vendo a China como grande ameaça para levar possíveis destaques, os clubes do Rio podem ter em suas bases a solução para a equipe profissional. Na Copa São Paulo de juniores de 2016, por exemplo, alguns jovens já despontam e surgem como opções para o decorrer da temporada.

O Fluminense, eliminado pelo Primavera (SP) na segunda fase, tem o artilheiro da competição. Com sete gols, Pedro já foi alvo de clubes da Europa, mas o Tricolor ainda não tem a intenção de negociá-lo.

"Ele é um caso especial. A minha empresa agencia a carreira dele. É um projeto do Fluminense e estamos acompanhando. Meu trabalho é trazer propostas de fora e ele teve três da Europa. O Fluminense prontamente recusou", informou à Rádio Brasil seu empresário Maurício Nassif.

No Vasco, que enfrenta o América-MG neste domingo às 15h, o homem-gol atende pelo nome de Hugo Borges. O jovem de 18 anos já havia sido o artilheiro entre todas as categorias do clube em 2015 e iniciou o ano mostrando que a pontaria continua afiada. O fã de Romário já fez três na Copinha.

"Fico muito feliz em saber que sou o jogador que mais marcou gols pelo Vasco. Isso é fruto do meu trabalho diário e da ajuda de todos os meus companheiros. Quando entro em campo, busco sempre contribuir da melhor maneira possível. Como sou atacante, ajudo o time a conquistar as vitórias marcando gols", disse Hugo Borges ao site oficial do Vasco quando soube que tinha sido o maior artilheiro entre todas as categorias. 

No Flamengo, o destaque não chega a ser uma novidade, já que fez parte do elenco profissional em 2015. Sem muito espaço, o meia Matheus Sávio desceu para os juniores novamente para disputar a Copa São Paulo. Ao lado de Felipe Vizeu, Cafu e Lucas Paquetá, o camisa 10 se destacou na primeira fase da competição.

Já no Botafogo, quem chama a atenção atua um pouco mais recuado, como volante. Matheus Fernandes chegou à Copinha carregando a pressão de ser o principal nome do time na competição. E a primeira fase serviu para confirmar a previsão. Convocado constantemente pela seleção brasileira sub-17, ele conduziu o Alvinegro à fase de mata-mata, após brilhar nos dois primeiros jogos – foi poupado no terceiro, quando o time já estava classificado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos