Atlético-MG abre os cofres e ensaia discurso para mais contratações

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Presidente já fechou com três, mas pensa em nova dupla ou até trio de contratações

    Presidente já fechou com três, mas pensa em nova dupla ou até trio de contratações

Apesar do vice-campeonato brasileiro, o Atlético-MG não encerrou o ano de 2015 tão em alta quanto sua colocação na tabela. A demissão de Levir Culpi dividiu opiniões na torcida, que questionou a falta de jogadores de qualidade no elenco. Quando perguntado sobre o assunto, o comandante optou por fechar com o grupo que tinha em mão e não pediu reforços para a diretoria. No entanto, o atual cenário caminha para ser o contrário. Com três reforços anunciados e outro próximo de fechar, Aguirre e companhia dão indícios de que ainda não vai ser agora que a diretoria vai fechar os cofres para fortalecer o time.

Juan Cazares, Erazo e Hyuri são as três contratações feitas até o momento. O atacante Rafael Moura jogou com Aguirre no Internacional, tem o aval do uruguaio e deve assinar com o clube nos próximos dias. Além do atacante, o técnico também passou outros nomes para a diretoria correr atrás e levar para a Cidade do Galo.

"Até agora são três reforços. Tem alguns nomes que eu passei para a diretoria. Sobre o Rafael Moura eu trabalhei com ele no Inter. É um excelente profissional e uma grande pessoa. Mas não é bom falar de jogadores que não estão aqui. Mas realmente temos algumas opções para olhar e nos próximos dias devem chegar alguns jogadores", comentou o treinador, já dando indícios de novidades nesta semana.

Já nos Estados Unidos para a disputa da Florida Cup, o presidente do Atlético-MG divide as atenções da pré-temporada com a busca de reforços. Daniel Nepomuceno ainda pensa em contar com mais dois ou três nomes, a depender da lista deixada por Aguirre. O time alvinegro já está na terra do Tio Sam e terá cerca de três semanas para fechar o elenco antes do primeiro compromisso do ano, contra o Flamengo, no dia 28, pela Primeira Liga. Em solo estrangeiro, o primeiro jogo será nesta quarta-feira, contra o alemão Schalke 04, às 21h30 (horário de Brasília), em Fort Lauderdale.

"O Atlético precisa de mais dois ou três reforços. Vamos tentar um meia-atacante, algum volante, meio-campista. Agora depende muito do treinador. É um momento de segurar todos os nossos jogadores. Espero fazer isso até o encerramento da janela. Vamos esperar, estamos aqui na Florida e teremos mais duas, três semanas com calma para avaliar que posição e quem vai chegar" falou o presidente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos