Expectativa em Barcelona: Messi melhor do mundo e Neymar à frente de CR7

João Henrique Marques

Do UOL, em Barcelona

Neymar é quem representa o Barcelona na rivalidade contra o Real Madrid na premiação do Bola de Ouro da Fifa nesta segunda-feira, em Zurique, na Suíça. A quinta conquista de Messi é dada como certa e a expectativa na Catalunha é de que o brasileiro esteja à frente de Cristiano Ronaldo. 

Encontrar opiniões de que Neymar é maior que Messi atualmente beira o impossível em Barcelona. Só que entre jogadores, torcedores e jornalistas, o brasileiro merece estar diante do português, o atual vencedor do prêmio, por conta da temporada vitoriosa do Barça – time conquistou os títulos do Espanhol, Copa do Rei, Liga dos Campeões, Supercopa da Europa e Mundial de Clubes.
 
"Todos aqui pensam assim, pois vimos o Neymar mais regular, e o Barcelona bem à frente do (Real ) Madrid. Não é polemizar dizer isso. Mas é a expectativa do vestiário", disse Daniel Alves.
 
A opinião do lateral brasileiro é a mesma da maioria dos torcedores do clube. Os associados não aceitam a discussão entre Messi e Neymar (ver vídeo). O argentino ainda é colocado no posto mais alto por todos no clube.
 
"Messi é único. O que vemos ele fazer no Camp Nou ninguém ainda foi capaz. Quem sabe futuramente o Neymar possa repetir, pois tem um grande nível. Para mim já é superior ao (Cristiano) Ronaldo", disse Roger Torres, de 67 anos, e sócio do Barça há quase 40 anos.
 
"O Barcelona é um clube formado por associados fiéis, esses que vão a todos os jogos e se apegam aos mais históricos. O Messi é o responsável por dar a vitória (3 a 0) do Barcelona sobre o Bayern de Munique na semifinal da Liga dos Campeões. Tenha certeza que isso foi fundamental na opinião", explicou o jornalista Bruno Alemany, da rádio Cadena Ser. – no jogo em questão, Messi marcou os dois primeiros gols do time e Neymar fez o terceiro -.
 
Na visão dos catalães, a Liga dos Campeões ainda é fundamental para que Neymar esteja à frente de Cristiano Ronaldo. O brasileiro terminou dividindo a artilharia com os outros dois postulantes ao prêmio da Fifa, com dez gols cada. Na reta final, fez gols dois contra o PSG, nas quartas, três diante do Bayern de Munique e um na vitória por 3 a 1 na decisão contra a Juventus, em Berlim.
 
"Como discutir contra os números? O prêmio é do Messi e o Neymar está bem à frente de qualquer outro. E ainda acreditamos que o (Luis) Suárez seja mais merecedor do que o Cristiano. Foi uma falha da eleição ele não estar", comentou Lluis Laquer, de 64 anos, outro longo associado do Barça.
 
Messi, indiscutível
 
O quinto prêmio de melhor jogador do mundo para Messi é visto como obrigatório em Barcelona. As fortes opiniões na Catalunha deixam claro de como a tarefa de Neymar de superar o argentino ainda é complicada.  
 
"Messi ainda está à frente por conta da polivalência. Determina mais o jogo. Tem coisas de Neymar e coisas de Xavi. Organiza, joga e marca. Neymar se usar esse caminho, chega ao bola de ouro. Quem sabe quando Messi se canse", opinou Toni Padilla, do jornal catalão ARA.
 
"Hoje Messi está à frente de qualquer um. Isso é uma unanimidade por aqui. O jogo do Neymar é mais espetacular. Precisa acontecer uma evolução do Neymar. Precisa ser quase perfeito. Só que para retirar o posto do Messi, é ele que terá que baixar um pouco o nível. Ele marcou época como Pelé. A década é dele e quem vem por trás precisa esperar o momento", disse Daniel Alves.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos