Negócio continua: Inter ainda leva pressão por Anderson mesmo nos EUA

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Alexandre Lops/Divulgação Inter

    Anderson ainda é alvo de clubes chineses, mesmo na delegação do Inter nos EUA

    Anderson ainda é alvo de clubes chineses, mesmo na delegação do Inter nos EUA

O Inter ainda não se livrou da pressão chinesa por Anderson. Mesmo nos Estados Unidos, com o jogador na delegação, os contatos para formalização de proposta seguem acontecendo. 

Os responsáveis pelo futebol do clube, o presidente Vitório Píffero e o vice de futebol Carlos Pellegrini, estão com o elenco para a disputa da Florida Cup. No entanto, através da internet e do telefone mantém contato com os empresários responsáveis por repassar as ofertas chinesas. 

"As situações não param. Com a internet e a facilidade de contatos, tudo pode ser resolvido com comunicados. Isso é simples e fácil. A janela está apenas começando", disse o vice de futebol antes da viagem, no domingo. 

São duas ofertas por Anderson, nenhuma oficializada até o momento. A primeira de R$ 40 milhões do Heibei Fortune. O agente que trata desta proposta é Scheidt, ex-zagueiro do Grêmio. E a outra pode chegar a R$ 50 milhões, o clube é mantido em sigilo e o procurador que está aguardando para fazer o negócio é Jorge Machado. 

"Veio uma proposta, o presidente achou que o valor não era interessante ao Inter. Foi isso que aconteceu. E agora vamos ver se eles vem novamente com mais pressão para cima do Internacional", explicou Pellegrini. 

A oferta rejeitada pelo Internacional era de R$ 25 milhões. O clube considerou o valor baixo, mas reconhece que uma proposta maior seria difícil de rejeitar. Anderson, na China, tem oferta salarial de R$ 1,2 milhão por mês. 

Contratado sem custos pelo Internacional no começo de 2015, Anderson oscilou muito, teve boa parte da temporada na reserva e se firmou apenas quando recuperou a melhor forma, já no fim da temporada. Terminou o último ano com apenas um gol marcado. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos