Duelo internacional e clássicos. Atlético-MG tem dura arrancada no ano

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético MG

    Atlético-MG e Corinthians vão se reencontrar pouco mais de um mês após o término do Brasileirão

    Atlético-MG e Corinthians vão se reencontrar pouco mais de um mês após o término do Brasileirão

Nem jogo-treino ou muito mesmo uma partida contra uma equipe do interior pelo Campeonato Mineiro. O Atlético-MG vai abrir a temporada 2016 contra o Schalke 04, uma das principais equipes da Alemanha – atual sexto colocado na liga local com 27 pontos, a mesma pontuação do quinto e dois abaixo da zona de classificação à Liga dos Campeões – em confronto pela Flórida Cup. Desafio enorme para um elenco que tem pouco mais de uma semana de treinos.

Não bastasse o duelo com o Schalke, a sequência do Atlético ainda tem mais dois tradicionais rivais brasileiros. Corinthians, também pela Flórida Cup, e Flamengo, na abertura da Primeira Liga. Ruim? Nada. Começar 2016 com grandes desafios é algo comemorado entre os jogadores e comissão técnica do Atlético. É a chance de começar o ano já bom nível.

"Nós temos objetivos esportivos para ganhar tudo. Para isso, temos que ter um time ofensivo, com condição física, que saiba o que fazer com a bola, mas também um time que não tome muitos gols. O fundamental é ter um time equilibrado. O Atlético tem grandes jogadores e podemos fazer um time moderno", comentou o técnico Diego Aguirre.

Entre as três partidas, as que mais preocupam em termos de desempenho da equipe são as duas primeiras. Pouco tempo de trabalho em campo entre o começo da pré-temporada (4 de janeiro) e a estreia na Flórida Cup (14 de janeiro). Embora acredite em boas exibições diante de Schalke e Corinthians, o goleiro Victor alerta que o Atlético vai ter um pouco mais de dificuldade do que o normal, já que a equipe ficou mais de um mês parada.

"Talvez, em termos de tempo de preparação, não seja o ideal. A gente tem consciência e temos que passar ao torcedor que ainda vamos estar um pouquinho longe da nossa condição ideal. Vão ser cerca de dez dias entre as férias e o jogo, mas vamos procurar fazer o nosso melhor. É procurar manter o bom futebol que a equipe jogou no ano passado, mas sabendo que os erros serão mais frequentes nas duas primeiras partidas, pois vamos estar sem ritmo e sem a condição física ideal".

E mais de uma semana depois de iniciada a pré-temporada, Diego Aguirre fez o primeiro treino tático de 2015. Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Luan e Giovanni Augusto; Thiago Ribeiro e Lucas Pratto. Formação baseada na equipe que disputo o Brasileirão, como o treinador havia dito.

"O Atlético acabou vice do brasileiro com jogadores muito bons. É difícil tirar alguém. É bom para ter grandes jogadores. O Atlético tem bons atacantes, meio-campistas e defensores. É uma equipe forte".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos