Cruzeiro sofre, mas vence o Marília nos pênaltis e segue vivo na Copinha

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Marcos Valadares é o técnico do time júnior do Cruzeiro

    Marcos Valadares é o técnico do time júnior do Cruzeiro

Marília e Cruzeiro voltaram a se encontrar na Copa São Paulo de Juniores. Agora pela terceira fase da competição, os clubes entraram novamente em campo no estádio Bento de Abreu, em Marília. Diferente da primeira vez, o time mineiro saiu novamente vencedor, mas precisou dos pênaltis para superar o rival e avançar para a quarta fase. Após os 2 a 2 no tempo normal, a Raposa levou a melhor e superou o adversário por 4 a 1 nas cobranças.

O primeiro gol do jogo demorou meia hora para sair, mas foi de encher os olhos. Dudu soltou um foguete lá do canto direito do gramado e antes de comemorar ainda viu a bola encobrir o goleiro, bater no travessão e entrar. Cinco minutos mais tarde, Brunão aproveitou bem o escanteio, subiu mais que a zaga mineira e deixou tudo igual. Em situação parecida com a do primeiro jogo entre as equipes, tudo estava encaminhado para um intervalo em igualdade. Mas Andrey, já nos acréscimos, recebeu pelo alto, matou no peito e marcou bonito, deixando o Cruzeiro novamente em vantagem.

No segundo tempo, bastaram cinco minutos para o Marília reanimar seus torcedores no Abreuzão. Elivelton sofreu falta dentro da área. Pênalti que o próprio atacante bateu e guardou. 2 a 2. O que se viu depois, no entanto, não foi nada animados. O jogo perdeu em emoção, com o Marília ligeiramente mais disposto a ficar com a vitória. Já acusando o cansaço, o Cruzeiro conseguiu segurar o placar e o resultado precisou ser decidido nos pênaltis.

Mesmo com a torcida contra, o time mineiro contou com o ótimo desempenho do seu goleiro Lucão. O camisa 1 defendeu duas das três cobranças do Marília e foi responsável direto pela classificação celeste. Santiago, Cesinha, Murilo e Alex balançaram as redes e fecharam a conta.

Na próxima fase, o Cruzeiro vai enfrentar o Ceará, que bateu o Joinville por 3 a 2. Campeão na temporada 2007, a equipe de Marcos Valadares continua vivo no caminho do bicampeonato.

MARÍLIA  (1)2x2(4) CRUZEIRO
Motivo: 3ª fase, Copa São Paulo de Juniores 2016
Data/hora: 13/01/2016, às 19h
Local: Estádio Bento de Abreu, em Marília (SP)

GOLS: Dudu, 30'1ºT (0-1); Brunão, 35'1ºT (1-1); Andrey, 45'1ºT (1-2); Elivelton, 5'2ºT (2-2)
Cartões amarelos: João Pedro, Alisson, Guilherme Rocha (MAR), Dudu, Tom (CRU)

PÊNALTIS:
CRU: Santiago, Cesinha, Murilo e Alex marcaram.
MAR: Brunão perdeu, Leonardo marcou e Marcos Paulo perdeu.

MARÍLIA: Vitor, Marcos Paulo, Bruno, Matheus Destro, Hebert, Wesley, Alisson, Yuri (Maranhão), Matheus Marcondele, Elivelton (Leonardo), João Pedro (Guilherme Rocha). Técnico: Luis Quirino Cruz.

CRUZEIRO: Lucão; Vitinho (Kevin), Fabrício, Murilo e Daniel Vamçan; Hudson, Tom e Alex; Rick Sena (Santiago), Dudu e Andrey (Cesinha). Técnico: Marcos Valadares.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos