Lugano pede discrição, e São Paulo não fará festa de apresentação

Guilherme Palenzuela

Do UOL, em São Paulo

O São Paulo definiu como e onde fará a apresentação de Diego Lugano e optou pelo convencional: entrevista coletiva no CT da Barra Funda, sem festa. Segundo apurou o UOL Esporte, a decisão passou pelo pedido do próprio uruguaio, que sugeriu não fazer um grande evento e também pela opinião do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, que entende que a recepção calorosa da torcida no aeroporto já cumpriu o papel de festa.

A diretoria do São Paulo discutiu as possibilidades de festa de apresentação desde antes mesmo de selar a contratação de Lugano. No começo, a ideia era organizar um grande evento, apesar dos problemas para realizar tal evento no Morumbi devido às obras de reforma do gramado do estádio. A cúpula são-paulina chegou a cogitar o Pacaembu e a Arena Barueri, além de casas de eventos, para apresentar o uruguaio.

A desistência de organizar um grande evento passou pela recepção da torcida ao ídolo no aeroporto de Guarulhos, na noite de terça-feira. A aglomeração espontânea de quase mil são-paulinos ao uruguaio fez o Lugano e o São Paulo acreditarem que já houve uma festa e não há necessidade de se fazer outra. Também, há certa preocupação da diretoria em tratar o jogador como mais um, semelhante a outros que estão no elenco.

Ainda não há data definida para a apresentação de Lugano. Já é certo, então, que não haverá cerimônia especial e a cerimônia se dará na sala de imprensa do CT da Barra Funda, fechada para torcedores.

Lugano treinou pela primeira vez no CT da Barra Funda nesta quarta-feira e realizou atividade física longe dos gramados. O núcleo de preparação física do clube avaliou que o uruguaio de 35 anos precisa ganhar peso antes de ser liberado para jogo. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos