Como gravidez interferiu na escolha de Vagner Love em seu futuro

Juliana Alencar

Do UOL, em São Paulo

Um olho na bola, outro na barriga da mulher. A transferência de última hora para o futebol francês impactou nos planos de Vagner Love para 2016. Próximo de ser pai de novo, o atacante, que se apresenta nesta quinta, 14, ao Monaco, fez questão de levar a mulher, que já está na reta final da gestação, para o novo país. O casal chegou nesta semana à França, depois de promoverem uma festa de despedida na mansão da família, no Rio.

Love havia recebido uma proposta do Beijing Guoan em dezembro, mas preferiu não voltar ao futebol chinês por causa da gravidez da mulher. A proposta do clube francês acabou seduzindo o jogador sobretudo pela qualidade de vida que poderá oferecer para a família na Europa, ainda que já previsse uma cobrança esportiva maior com essa escolha. Mesmo antes da estreia, a contratação de Love foi questionada pela imprensa local. O Monaco é o atual terceiro colocado no Campeonato Francês, atrás do Paris Saint-Germain e do Angers.

Mulher do atleta, Lene Pires está na 32ª semana de gestação da primeira filha do casal, Alice. A previsão era de que ela nascesse no Rio em fevereiro, já que a família dos dois mora na cidade. Toda a estrutura havia sido montada lá para receber a criança.

Com o contrato firmado com o Monaco, Love só buscou as garantias de que a mulher pudesse enfrentar a reta final da gravidez com segurança longe da equipe médica que fez todo o pré-natal no Brasil. Até consultou o obstetra da mulher para saber se ele poderia acompanhá-la no parto. 

Enquanto não definia o futuro esportivo, Love usou as férias para curtir a gestação da mulher no Rio: fez ensaios fotográficos com ela, gravou uma reportagem para o programa "Estrelas", da TV Globo, e promoveu o chá de bebê da herdeira. O atacante tinha contrato com o Corinthians até o fim do primeiro semestre e pretendia cumpri-lo.

O jogador está especialmente entusiasmado com a gravidez da mulher, que fez uma espécie de diário virtual da bebê numa rede social. Em um dos vídeos, ela mostra o momento em que o comunicou sobre o sexo do bebê (veja acima).    

Love e Lene já haviam adiado o plano de ser pais exatamente porque estavam muito longe do país natal. Love jogou no futebol chinês durante quase dois anos. De 2013 a 2015, ele defendeu o Shandong Luneng. Voltou ao futebol brasileiro, no começo do ano passado, por causa da família. Love é pai de quatro filhos de outros relacionamentos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos