Atleticanos pregam "pés no chão", mas não deixam de comemorar o 1º título

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

É um torneio amistoso, é verdade, mas o Atlético-MG vai voltar para Belo Horizonte com a primeira taça de 2016. Além da vitória por 1 a 0 diante do Corinthians, o empate do Fluminense em 1 a 1 com o Shakhtar fez com que nenhum outro time tenha condições de alcançar o Galo, que já tem seis pontos na tabela da Florida Cup. Desta forma, o time de Aguirre encerra a pré-temporada nos Estados Unidos com 100% de aproveitamento e o título garantido.

"Fico feliz em ajudar, minha meta é essa. Consegui fazer um gol hoje, mas é um trabalho a longo prazo, termina só em dezembro. Começamos com o pé direito", comentou o atacante Hyuri, autor do gol da vitória.

"Independente do título simbólico, o Atlético está fazendo um trabalho muito bom. É só o começo de temporada, a equipe mostrou muita vontade, mas temos que manter os pés no chão. O ano vai ser muito difícil, mas vamos tentar buscar os títulos. Confiamos no Aguirre, tem tudo para ser um grande 2016", falou o lateral direito Marcos Rocha.

O zagueiro e capitão Leonardo Silva também mostrou a mesma cautela que o companheiro. Sem deixar de comemorar o feito, o camisa 3 valorizou o torneio, mas espera levantar ainda mais taças na temporada.

"Esperamos que isso continue. Vamos trabalhar forte, é sempre gostoso conquistar um título seja onde e de que maneira for. Esperamos ter mais pelo resto do ano. Trabalhamos bastante, fomos superiores porque trabalhamos muito. Nada mais merecido que conquistar esse título", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos